segunda-feira, 13 de abril de 2015

Depois de Obama


«Everyday Americans need a champion. And I want to be that champion. So I’m hitting the road to earn your vote — because it’s your time. And I hope you’ll join me on this journey.»

                                                         Hillary Clinton 

Gostaria de acreditar que a América, que foi capaz de eleger Obama aceite, um dia, eleger uma Mulher para o mais alto cargo da nação!

HSC

19 comentários:

Anónimo disse...

E pode acreditar...

Anónimo disse...

Para mim, mais importante do que vencer o preconceito "mulher" é vencer o preconceito "idade".
Num mundo em que ser jovem é tudo...seria fantástico ver uma mulher de 67 anos, avó, a liderar!

João Menéres disse...

Não acredito...
Na minha opinião, ela aguentou o que sabemos já a pensar no seu futuro político e na simpatia que entendia merecer dos eleitores.

Melhores cumprimentos.

Fatyly disse...

Acredito que um dia isso possa acontecer, mas Hillary? Acho que não!

Anónimo disse...

Tudo pode acontecer, no caso Obama o que parecia impossivel, não o foi.
Hillary é uma mulher com garra, determinada, simpatizo com ela.
Gostei, das palavras de Raúl Castro a Obama, não é fácil pensar e dizer, ele pensou/repensou e disse.
A humilde, é um atributo que falta a muitas pessoas.

Carla

Silenciosamente ouvindo... disse...

A América é capaz do bom e do mau.
A sua persistência é de louvar,
todavia vai ser uma luta terrível.
Por mim, gostaria que fosse eleita.
Pena que em Portugal, onde os candidatos a candidatos para a Presidência da República surgem "em catadupa" ainda não tivese surgido
o nome de uma mulher.
Cumprimentos.
Irene Alves

Correia da Silva disse...

Hillary nos States?
E porque não, Helena de Sacadura Cabral PR em Portugal ?

Anónimo disse...

O destino tem as suas curiosidades.Clinton e a sala oval.Á parte a política,se Hillary for vingativa...
Será que o marido aguentava o que ela aguentou?!

Helena Sacadura Cabral disse...

Ó Correia da Silva conseguiu arrancar-me uma daquelas gargalhadas...
Não aguentava 24horas com esta tendência que tenho para pôr sempre a casa em ordem.
Ao contrário de Cavaco Silva daria uma interpretação muito larga aos meus poderes. Coitados dos ministros...

Isabel Pais disse...

Boa tarde Drª Helena,

Pois estamos com uma necessidade muita grande de uma presidente com uma interpretação muito larga.
Um abraço,
Isabel Correia

Anónimo disse...

Eu votava p'ra ontem a HSC como PR.
José Marques

Helena Sacadura Cabral disse...

Caros comentadores
São uns brincalhões!

Anónimo disse...

E para uma grande Senhora uma música que ficará para a história.
http://youtu.be/FOaDgS1RKK0

:-)

diogo disse...

basta ser competente .
ser mulher é irrelevante , ou devia ser .
quotas de mulheres ?
não apoio . não se pode substituir alguém muito competente para justificar uma quota com alguém menos capaz.

Anónimo disse...

Eu também alinho na HSCabral para "Presidenta",e a brincar a brincar,digo a verdade.
Porque não?!Tem tudo para glorificar Portugal.
FT

Helena Sacadura Cabral disse...

Anónimo das 21:16
Percy Sledge morreu ontem, com 74 anos.
When a Man Loves a Woman fez parte do património da minha juventude.
Obrigada!

Anónimo disse...

Hillary? Acho que sim. Não porque seja mulher, mas porque é a Hillary!

Anónimo disse...

Estava a Ver os comentários e, de facto, nem de propósito, e se fosse HSC para nossa presidente?
Também acho que sim.
E sim
E sim

Queremos a casa em ordem

Anónimo disse...

De nada.É um gosto.
E fez do meu também.Quanto sentimento...

:-)