quarta-feira, 25 de março de 2015

Sem Paraíso!


Metaforicamente "fomos expulsos do paraíso e é longe dele que teremos de aprender a viver".
Esta frase revela algo de que nem sempre nos damos conta. A “expulsão”, ou, melhor, a “saída” faz, afinal, parte da vida de todos nós e é através dela que vamos vivendo. Se não, vejamos.
Começamos por sair do ventre materno. Depois vamos largando a casa paterna quando  saímos para a escola e Universidade. Terminados os estudos, saímos de casa dos Pais para viver a nossa vida e constituir família. E nesta, acontece muitas vezes sairmos dela para constituirmos outra, que julgamos ser melhor. Finalmente o ciclo será recomeçado com os filhos que formos tendo.
Em todo este processo cruzam-se passado, presente e futuro. No passado ficará tudo aquilo de que nos vamos libertando. No presente ficará tudo aquilo de que, sabemos, nos iremos libertar e, no futuro, ficará apenas a capacidade individual de sonhar. Porque ninguém pode ter a certeza de que esse futuro existirá na realidade. Se existir, então, talvez ele possa ser o nosso presente de algum dia, com todas as lições que, eventualmente possamos ter tirado do que já se tornou passado!


HSC

5 comentários:

Anónimo disse...


Por vezes vislumbram-se certos acontecimentos no futuro, em sonhos por exemplo, e quando isso acontece baralham-se as fronteiras entre presente e futuro.
Existe mesmo um Misterio Imenso que une as nossas vidas.
L.L.





Anónimo disse...


Helena,
bonita reflexão!

Carla

Maria Isabel Q. disse...

Gostei! Mas e o Paraíso? Será que nunca poderemos entrar nem sequer com a ponta do pé?

Maria Isabel <3

Anónimo disse...

🌷

Anónimo disse...

Paraíso é olhar para a sua nova fotografia e ficarmos hipnotizados...não fora a coruja sapiente para nos estremecer e quase acreditaria estar a sonhar.Beleza não tem idade,sim Sra!

:-)