sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Inesquecível milonga


Verdadeiramente surpreendente esta milonga. Há algum tempo que a vi dançar. Um destes dias conto-vos a história desta dança que como o tango tem raízes que vale a pena conhecer, porque são populares e não elitistas. Aconselho a visão em ecrã grande para se poder apreciar bem os movimentos dos pés. E vá até ao fim, ao "encore", a segunda milonga depois dos aplausos. Uma maravilha!

HSC

10 comentários:

ana disse...

Olá! Vou seguindo as suas palavras sem comentar, mas, hoje, não posso deixar de agradecer! O meu par favorito (mesmo não sendo o meu género preferido, a milonga...) Obrigada! :)

maria isabel disse...

Doutora Helena

Com as minhas desculpas pelo atrevimento, mas parece que está preparado um clima para um jantar muito especial. Espero que sim.

Estou a brincar porque gosto muito de ver dançar bem. Eu não sei dançar.

beijinhos
maria isabel

Anónimo disse...

Excelente maneira de começar o dia!

Ontem já não vi este vídeo postado mas mal abri hoje o fio de prumo e li o que escreveu relativamente ao vídeo decidi abrir o vídeo em modo "Tela cheia" e sim: de facto é maravilhoso ver dançar assim e deve ser fantástico saber dançar assim.
Ainda por cima naqueles saltos (dos sapatos da bailarina).Já a simples tarefa de andar é o que é, quanto mais dançar.


Um beijinho e votos renovados de bom fim-de-semana.

Vânia Baptista

Lili disse...

Não consigo fechar aboca.

LINDO!!!!

Gaivota Maria disse...

Dança do agrado especial do nosso papa Francisco I. Homem de bom gosto. Lembra-se, Helena, como era bom dançar um tango com o namorado da altura (sim porque então havia grandes dançarinos). Pena o hábito ter-se perdido entre a actual juventude. Esta não sabe o que perde ...Obrigada por este cheirinho de boa dança. Bom domingo

Lili disse...

No post "O prazer dos entas" já á fui umas 3/4 vezes ler, recebo o alento que me anda a faltar. Rezo a Deus todos os dias, e a partir de agora , nos pedidos só lhe vou pedir isso.
Que a proxima decada eu possa dizer - valeu a pena!

Que escreve tão bem Drª Helena, e transmite sentimentos de uma forma deslumbrante.

OBRIGADA.

Antonio Almeida disse...

Acho que me vou repetir mas não posso deixar passar está mensagem da Helena (forma carinhosa de a tratar e não menos respeitosa), a dança neste caso o tango, é apresentado e comentado aqui como espetáculo para ser visto e apreciado.
Mas porque será que não o querem praticar dançando?
Eu explico, tenho 64 e este ano decidi aderir à dança, fui parar um pouco por acaso ao Forró universitário, para se distinguir do tradicional.
Comecei com aulas em Janeiro e neste momento já começo a dar cartas, isto é são elas que vêm buscar para dançar e quem são elas? Jovens todas abaixo dos 35 anos porque estranhamente raramente aparecem mulheres da minha idade para dançar.
Venham não tenham medo é tão bom ter uma mulher nos braços senti-la junto do meu corpo, a mulher sente igual.
MAS QUAL É O PROBLEMA? Alguém me pode explicar, porque elas que tanto gostam de dançar quando são mais novas, agora não aparecem?
Além das aulas há bailes todas as semanas, eu sou sempre o mais velho, mas também um dos mais animados.
Venham experimentar, 3as feiras no Clube Lusitano em Lisboa, ali em Alfama às 22,30h.
Atenção, não faço parte do clube, sou um pagante como qualquer outro.

Helena Sacadura Cabral disse...

Meu caro António Almeida
Até há uns meses dancei bastante e nunca a minha idade foi travão ou vergonha para o fazer. Era o que faltava!
Mas nunca fiz nenhum vídeo como estes...
Apesar disso, penso que logo que me volte a apetecer dançar, não deixarei de o fazer!

Antonio Almeida disse...

Obrigado Helena
Eu sabia que a sua resposta só podia ser esta, mas e as outras amigas, o que têm a dizer?
Fica aqui o meu CONVITE à Helena para, quando lhe apetecer vir experimentar o Forró. Terei todo o prazer e a honra em recebê-la e em dançar consigo.
Ao fim de alguns passos já vai poder dançar quase tanto como os do vídeo. Podemos até fazer um vídeo para mostrar que é mesmo assim.
O convite é extensivel a qualquer outra amiga virtual.
Como um amigo meu diz: Quem dança é muito mais feliz.

HOPE disse...

Meu marido dançava tango divinamente,não comigo que eu não sei,ao ver estes videos chamei por ele pra ele ver,e ele comentou :
-Andei tantos anos enganado,a pensar que sabia dançar o tango(sic)
e eu respondi:
-não é que eu tmb rsss
resposta dele:
-foi preciso a Dra Helena acabar com a minha ilusão aos 83 anos de vida(sic)
Pois é Drª a Sra tem dessas coisas rssssssssss
cumprimentos
Fátima Duarte