terça-feira, 4 de outubro de 2011

Não é cá...


O ex-primeiro-ministro islandês, Geir Haarde, vai mesmo enfrentar julgamento pela sua responsabilidade no colapso do sistema financeiro do país, em 2008, quando chefiou o governo, decidiu hoje um tribunal...

Até parece em Portugal!

HSC

7 comentários:

voz a 0 db disse...

XIU... Então Helena?!?

Não pode divulgar informações sobre a Islândia e o que este Povo decidiu fazer ao Sistema Bancário e aos "Políticos"... olhe que ainda é virtualmente liquidada!

Nem que seja só por isto...

VIVA O POVO ISLANDÊS

diogo disse...

em portugal não se pode fazer isso .
é que se assim fosse quem nos governaria ?

Fada do bosque disse...

Agora entende porque é que eu barafusto tanto... O seu filho Miguel, fartou-se de dar esse exemplo desse povo, como exemplo correcto e a seguir, mas isso não
aparece nos meios de comunicação de massas! De certeza que o Presidente islandês, Olafur Grimsson é uma pessoa com todas as letras... nada que se compare ao nosso, que anda aí para ganhar o dele e abarbatar-se do que puder...
Nós teríamos de duplicar o nº de prisões e vai-se a ver, até o Presidente teria lá uma estadia grátis... isto se a Justiça existisse! Para responsabilizar um Primeiro Ministro, o Presidente tem de ter a ficha limpa.
Quem não deve não teme... o que não é o caso português. Aqui desde presidentes a Isaltinos, há de tudo!

Fada do bosque disse...

Veja aqui no que vai dar não termos seguido o modelo islandês; é certinho! Aliás a censura do sistema excluiu essa hipótese. Se isto é Democracia... eu vou ali e já venho.

Anónimo disse...

Muito engraçado!
Felizmente ainda há excepções.

Anónimo disse...

Se em Portugal os governantes fossem responsabilizados pelos seus actos, nocivos à economia do País, como no caso a que a senhora doutora se refere, era possível que viesse a ter dias bem piores do que o do último domingo.

João Figueiredo

voz a 0 db disse...

Democracia?!? Hummm... Cada um tem a Democracia que o seu dinheiro permite comprar...