sábado, 8 de outubro de 2011

A minha ousadia...




Amanhã, Domingo, pelas 23 horas irá para o ar na RTPi, o programa "Moeda de Troika" que tem a tripla autoria de Herman José, Rita Ferro e eu própria.
Por norma fa-lo-emos sempre em directo, sem guião prévio e será uma espécie de conversa numa tertúlia de amigos. Falaremos do país e do mundo. Cada um escolherá os temas que vai tratar e será sobre eles que todos nos debruçaremos. Sem drama ou partidarite, com o humor mais ou menos ácido de que sejamos capazes e a vontade de colorir um pouco o cinzentismo nacional.
Como nos conhecemos muito bem, acredito que sejamos capazes de rir de nós, do mundo, do país e dos governantes, tendo como princípio não pisar, nunca, o risco da boa educação, mesmo que outros pudessem desejar um humor de tipo contrário.
É uma aposta de três pessoas muito diferentes e que, por isso mesmo, vão tentar conseguir algo que dê prazer aos próprios e a quem os vê.
Os meus companheiros não carecem apresentação e a sua qualidade pessoal e profissional é conhecida.
Do meu lado, como não sou nem pretendo ser - que calafrio - intelectual, não tenho que provar nada a ninguém. Essa circunstância permite-me uma grande liberdade!

HSC

35 comentários:

stiletto disse...

. Parece-me uma mistura explosiva. Promete grandes momentos de televisão.

Isabel disse...

Não vejo televisão, mas vou ver este programa.
Sou fã da HSC, do Herman José e também simpatizo com a Rita Ferro.
Vai ser interessante e divertido de certeza.

Um abraço

Rita disse...

Viva a moeda de troikaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

Tita disse...

Acho que a Moeda de Troika poderá ser um programa engraçadíssimo. A dupla que já fez com a Rita Ferro, no Querida Menopausa, foi divertida. Mas, a minha expectativa no programa é, principalmente, por si, que é das pessoas mais interessantes que conheço. De facto, reúne características que, individualmente, orgulhariam qualquer uma de nós: é uma mulher de garra (apesar de no domingo passado precisar de colinho), é uma mãe apaixonada mas não asfixiante, é uma avó deslumbrada, é uma digna profissional em várias áreas, é cultíssima sem ser parva, and last but not least é uma mulher cheiiia de um finíssimo humor. Caramba, eu sempre suspeitei que aquela falta de equidade do maroto do Mestre na distribuição dos talentos, não tinha sido boa ideia… E, em si vs nós, isso nota-se muito.
Agora a sério, continue e bem haja pelo que representa para muitas de nós, num tempo em que as referências tanto escasseiam.
Boa sorte para amanhã!
Um xi.

Histórias de Nós disse...

Será um sucesso com toda a certeza. Ansiamos por uma lufada de ar fresco...E daí não sei se não sairá um autêntico vendaval! E que bom se assim for!

Margarida disse...

...como diria a minha mãe: "deve estar um santo para cair do altar!" - é que nunca avisa quando aparece na televisão!
Bem sei que é um programa onde é co-autora e apresentadora, mas mesmo assim, estava mesmo a ver que só para a semana é que ouvia comentários e me apercebia do sucedido (não vejo muita televisão e não leio as revistinhas programáticas).
Ena!
Mas... não era suposto ser na CBS, NBC, ABC, FOX...?!
;)
Besides surprises, you're full of wonders, Milady...
Ah! By the way...'break a leg!'

Um Jeito Manso disse...

Helena,

Mas que alegria que isso vai ser, que risota entre vocês, o que se vão divertir - gente desempoeirada, alegre, inteligente. Não quero perder, já lá estou...!

Nisto do show bizz não se deseja boa sorte, não é? A Margarida já o disse em inglês e eu, por decoro e dado que não estou na minha casa, não o digo em português, mas, Helena, já sabe.

De qualquer forma, digo de outra forma: que nos proporcionem momentos de arejamento intelectual, de boa disposição e que nos divirta e se divirta.

É uma mulher cheia de garra!

Helena Oneto disse...

Querida Helena,
Público e gargalhadas estão desde já garantidos! O sucesso "va de soit"!
Os meus sinceros votos de "bon vent" para a "troika" da "Moeda de Troika"!

Anónimo disse...

Eu tenho andado com uma chatissima inflamação das gengivas que tentei curar através de dentistas mas foi impossivel!!! Ontem resolvi atacar o problema com uma máquina electrica de lavar dentes ( AEG ) e uma mesinha caseira de óleo de oregãos+água oxigenada+bicarbonato de sódio+ sal ) e senti logo melhorias!!!

SE isto continuar a melhorar sou capaz de ver o programa !!! Gosto de rir sem incómodos !
Viva a HSC e abaixo os dentistas que nem sabem aconselhar sobre a forma de resolver uma inflamação de gengicas!!!

Maria Luísa disse...

É grande a minha expectativa. Não tinha conhecimento desta estreia porque vejo pouca TV, em boa hora visitei o seu blog.
É urgente quebrar este cinzentismo nacional. Muito boa sorte para o programa.

Ana disse...

Serviço publico, de certeza.
Boas conversas:)

Anónimo disse...

Que esta "Troika" seja a "Moeda" da boa disposição para suavizar as medidas da outra troika!

Isabel BP

A Ruiva ou a Kika? disse...

Boa sorte! :)

Aproveito pra te convidar a visitares o meu blog em leticiakika.blogspot.com

ERA UMA VEZ disse...

UAAUUU !!!
Em tempo real...que giro ter referido o nosso bloguinho Tim Tim.

Estou a gostar deste troika.

Tita disse...

O programa acabou e foi giro. Acho que, sobretudo a Helena e o Herman, estiveram muito bem. A Rita estava um bocadinho tensa.
Olhe, continue a gostar de si como gosta: o seu sorriso bonito e fresco agradece-lhe e nós também.
Ah... não precisava dar a sua opinião sobre "morrer de amor": a expressão do seu rosto e os seus olhos, disseram tudo. Tudo... e muito mais de que conseguiram dizer as suas palavras. Obrigada pela sua humanidade.

ves disse...

Gostei de ver o programa.

A sua presença foi inteligente e despretensiosa.

Estamos a precisar de respirar normalidade...., obrigada pela importante participação!

Bj

rosaamarela disse...

ADOREI!!!! a troika

fiquei "agarrada" aguardo ansiosa o próximo capitulo.

abraço
(não sei se me é permitido.)

PMN disse...

Adorei a forma despretenciosa, inteligente e bem disposta de terminar o domingo:) Que boa surpresa e que motivo balsâmico para assistir a uma troika na televisão:)
Obrigada e venham daí mais precisosas moedas de troika!
PMN

Anónimo disse...

O programa é interessante, só é pena aquele senhor que está lá por trás a dizer pela 346781719ª vez que cantou o Força, força, companheiro Vasco e a meter receitas de batata doce na conversa sobre o Nobel da Literatura. Fica-se com a sensação de que entrou uma sopeirinha no Grémio Literário...

Isabel Seixas disse...

Não me perdoo, por não ter dado conta,mas rapidamente me redimo, também sei que vai dar um contributo fulcral, abraço
Isabel

Anónimo disse...

Só vi um bocadinho... Fui ver "As Serviçais" (recomendo!) e quando cheguei estava a terminar :(

Isabel BP

Anónimo disse...

Cara tripla que alguém nos distraía desta maldita troika com uma troika tão bem composta. Questionei-me pelo o nome dai parti para a investigação troika origem de russo , quer dizer na nossa linguística trio ! Bem isto para dizer que num momento entre escolas, trabalhos e jantares e conversas com os meus adolescentes isto todo em monoparental ; veio-me ao ouvido (sim porque também só se ouve televisão ) que iria dar um tal programa… só percebi o dia e a hora , obrigado ao universo por me teres dado este poder auditivo . Chegou o dia a hora e consegui estar de fronte do ecrã na busca intensiva dos 113 canais no qual só vemos 30 aonde estariam os nossos troikianos , consegui nem sabia da existência do mesmo canal !! Confesso ! Consegui ver ouvir e RIR. Parabêns e obrigado pelo o vosso tempo, venham mais troikas.Uma fã ,Teresa.

Anónimo disse...

Adorei o vosso programa, digamos que adorei ainda mais a sua terça parte no programa! Referiu um blogue de poesia, que depois li num comentário chamar-se TIm Tim mas não consigo encontrá-lo na net.podem dar-me a sua direcção correcta?

Muito Obrigado CCMarques

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro CC Marques
O bloque a que me referi é:
timtimnotibet.blogspot.com

Muito obrigada pelas suas palavras

Carlos disse...

Vi este seu blogue, pois, de vez em quando, leio e comento alguns posts do Jeito Manso e pelos seus posts cheguei a este.
O que mais me impressionou neste seu blogue, foi o coro de senhoras, senhores e ditos anónimos que passam a vida a tecer-lhe elogios, despropositados e exagerados. Este exagero atingiu o pico com o seu programa de sábado ou domingo à noite. Por coincidência vi esse programa e acho que foi a esperada mediocridade. Para além do seu riso quase sempre despropositado, do Herman José igual a ele próprio, com as piadas gastas do costume, e da Rita Ferro com cara de mal disposta e revoltada a contrastar como seu risinho, não acho que ficou mais nada. O programa não tem uma linha condutora com um mínimo de lógica ou coerência. Não lhe auguro grande futuro.
Quanto às louvaminhices destes seus seguidores, acho-as uma tristeza e sei que a senhora também acha, pois, ou é muito mal educada, ou só por as achar disparatadas (ou interesseiras?) é que se percebe que a Senhora não tenha uma palavra de agradecimento para tantas 'graxistas'.
Se estas pessoas que a louvaminham ligassem às pessoas a pouca importância que as pessoas merecem, não caíam neste ridículo. Dou-lhe os parabéns pela pouca importância que a Senhora lhes liga de volta.
Cumprimentos.

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Carlos
Como se depreende das suas palavras, além de pateta sou mal educada e ingrata.
Só por muito boa educação da sua parte é que me terá tratado por Senhora com letra maiúscula.
Não perca, por isso, mais tempo comigo e dedique-o a quem entenda que o justifica.
Bem haja pela sua franqueza.

Anónimo disse...

Ao Carlos, dedico este provérbio chinês:

"Antes de começar o trabalho de modificar o mundo, dê três voltas dentro de sua casa".

Isabel BP

ves disse...

Parabens ao Carlos pela sua desenvoltura a fazer juizos de valor de quem não conhece de lado nenhum(falo por mim) e também pela crítica caustica de um programa que viu uma vez e que nem sabe se foi no sábado ou no domingo.

Portugal está a precisar de gente assim eficiente!

Pôr do Sol disse...

Quanta razão na sabedoria chinesa...

E que pena haver pessoas(talvez por mal amadas), para quem os afectos são ridiculos e só existirem por interesse.

Pode ser que ainda vá a tempo, experimente "dar uma volta" dentro de si, cabeça e coração.

Julia Macias-Valet disse...

E foi so um programa ou vai passar todos os domingos às 23 na Rêtêpêi ?

Ohhhhh That's an injustice...I didn't see :,(

Anónimo disse...

Eu acho que nos dias de hoje, um programa destes , apresentado pelo Herman, tem tudo para correr mal!!!
Já nem é preciso acrescentar mais nada!
Eu ontem vi o programa no inicio e aguentei 5 minutos! Não consegui aguentar mais !

A Helena até se aguenta bem e faz o seu papel !
Quando ao Carlos parece que se incomodou com os elogios que lhe fazem ! Eu não !

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Anónimo das 09:33
Ora aí está uma atitude inteligente. Viu 5 minutos, não gostou, mudou de canal.
É isso que qualquer telespectador inteligente deve fazer, dispensando sacrifícios.
Bem haja pela delicadeza de mo dizer e pelo tempo que perdeu em faze-lo.

rosaamarela disse...

Voltei a ver, para mim acabou...

sorry

Anónimo disse...

Cara Helena Cabral, será que poderá facultar o nome do artista plástico responsável pelos três belos quadros presentes no cenário?

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Anónimo das 17:34
Eu deixei a Moeda de Troika no segundo programa.
Como nunca me gravo, nem sei qual era o cenário.
Sabia que era virtual.
Talvez a Rita Ferro ou o Herman que lá continuam, possam informa-lo. Ambos têm Facebook, pelo que é fácil pôr a questão. Qualquer deles o informará.