sábado, 27 de julho de 2013

Shall We Dance?

E agora que vou às nove e meia da noite para uma sessão de autógrafos em Sesimbra deixo-vos esta amostra de como a idade pode ser uma mais valia. No caso de Gere é de facto. Quando jovem era um pouco canastrão. Ao envelhecer ganhou "corpo" como o vinho!

HSC

13 comentários:

Gaivota Maria disse...

O Gere foi-me recomendado pelo médico na última consulta. É um descanso para os meu olhos...

Fatyly disse...

É o meu actor preferido desde o filme "Oficila e Cavalheiro. Vi todos e este tocou-me profundamente.

Ele e o António Fagundos "ganharam corpo como o vinho"!..
beijos e um bom domingo

Fernando B. disse...

É talvez a unica vantagem do homem sobre a mulher... Com o envelhecer, a quantidade de homens que ficam charmosos, é de facto superior à de mulheres...
Imagino o que está a pensar... Bom fim de semana...

Anónimo disse...

Este filme passou por cá como "Dança Comigo" e gostei... O Richard Gere melhorou e muito com a idade.

Isabel BP

Isabel Seixas disse...

Nem sei se é o enigma se a espera no olhar, sei que que me cativa e me faz parar...
Hum que charme.

Paulo Abreu e Lima disse...

Vou destoar: nem consegui ver o corpo do senhor: o jogo de luzes dança sublime sobre os quadris da Jennifer...

Obrigado, obrigado, obrigado por ser tão democrática :-)

Teresa Peralta disse...


Concordo com o medico da "Gaivota Maria".
Assim, a crise nunca chegaria às salas de cinema...

Maria Joao Morgado disse...

A idade é uma mais valia...sempre! Charme e sedução!

linda david disse...

Bem, Helena, ainda bem que não nos cruzámos nesta vida, "nas andanças do amor", porque gostamos dos mesmos "oficiais e cavalheiros". O Robert Redford, o Jeremy Irons e agora o Richard Gere?!
Pois...«les beaux esprits se rencontrent", certo?
Um abraço apertado.

Virginia disse...

Aqui preferiria o Antnio Banderas....não gosto deste actor.

João Menéres disse...

HSC :
Não deixei aqui um comentário ?
Este pc prega-me muitas partidas, além de ser de lenta partida !

Melhores cumprimentos.

Isto e aquilo disse...

Adoro! Tudo: o tango a sensualidade o Gere e o mais...

Beijinho
Isabel Mouzinho

tresgues disse...

Não morro de amores pelo tango, mas... pelo resto - também não morro - mas é outra coisa.
(Melhor que o Banderas, é! Tem um "je ne sais quoi". Eis a questão.;)