sábado, 6 de setembro de 2014

Jovens socialistas

Tenho de ir ao oftalmologista. Quem são estes jovens que "in limine" decidiram apoiar António Costa? Tenho ideia dos nomes, mas os rostos não me parecem os mesmos. Razão tinha Mitterrand quando afirmava que, por vezes, se torna necessário evitar certos apoios. Neste caso, são jovens demais!

HSC

35 comentários:

Isabel Mouzinho disse...

Ahahah! Muito bom.
Confesso que quando ontem vi esta fotografia também tive vontade de a "postar".
Mas a Helena está sempre na linha da frente.
Uma delícia!

Beijinho :)

João Menéres disse...

Já dei uma boa gargalhada, HSC !

Muito obrigado.

Melhores cumprimentos.

Virginia disse...


Velhos jarretas...todos juntos parece a brigada do reumático - hoje usa-se da artrose.

Mas aqui estão calados, valha-nos isso!!!

Anónimo disse...

ah ah ah ah ah Isto é do melhor!...

Sérgio S disse...

Aquele senhor de cá apresenta uns óculos muito fashion. É certamente um velhinho cheio de estilo.

Virginia disse...

Reparei que falta o bonzo-mor. Não apoiou??? :) Ou estava a banhos?

Anónimo disse...

Nunca se é velho quando ALMA não é pequena ...

Moreno

Helena Sacadura Cabral disse...

Moreno
Eu até os considero muito jovens. São do meu tempo!
O problema não está na ALMA, está em encontra-la.

Virginia disse...


Helena,

Não compare estes cotas consigo....há um oceano de diferença entre a jovem que mora em si e estes homens ( são sempre homens) já datados e convencidos de que ainda têm influência nos votos dos portugueses. Viu-se nas eleições para as presidenciais....

Não vem à feira do Livro do Porto?

Anónimo disse...

Boa noite,
para a brigada estar completa só falta mesmo o dr. Mário Soares! Ainda estará a banhos no Alvor?
O sr. Costa tem grande sentido de oportunidade política. Quando o partido estava pelas «ruas da amargura» não deu «o corpo ao manifesto», mas agora que se aproxima o inevitável rotativismo político do governo já lhe convém a candidatura a secretário geral do partido. Politiquices!

Anónimo disse...

Sinceramente, este seu Post surpreendeu-me. Ridicularizar aqueles apoios de Costa, brincando com a idade dos mesmos é de muito mau gosto. São personalidades com curriculum no seio do PS e do Estado, que desempenharam funções relevantes e cujo único “crime”, ao que se depreende, terá sido estar ao lado de António Costa...com a idade que têm. O tempo passa para todos. E, novos ou velhos, têm o direito de fazerem as suas opções políticas. Como é o caso daqueles que aqui aparecem na fotografia que publica. António Costa tem, seguramente, muitos apoios de jovens, também. A frase “...se torna necessário evitar certos apoios. Neste caso são jovens demais!”, com que termina, é de uma ironia que chega a ofender. Compreendo que, tal como este governo, PSD/CDS, se sinta “apreensiva” com o facto de António Costa poder ganhar a liderança no PS e depois as eleições no país – o que seguramente irá suceder.
Mas, ridicularizar apoios a António Costa com base na idade não é bonito, to say the least. Basta aliás ler alguns comentários que este seu Post provocou. O Post conseguiu o efeito pretendido. Fazer pouco de apoiantes - idosos -, que como referi até exerceram funções de relevo no Estado. No fundo, este tipo de posições, como a deste Post, vai de encontro ao que este governo, de “jovens” (pelo menos comparado com os tais “jarretas”) pensa relativamente aos mais velhos, aos idosos, aos reformados, etc. São gente descartável, daí não lhes ferir a consciência de impôr cortes, sobre cortes.
Em resumo, eu que sou bastante “menos idoso” do que aqueles tais “velhinhos”, não vejo nada de mal no apoio que deram a António Costa. Ainda bem que o deram. São pessoas que têm peso no seio do PS e alguns destacaram-se e bem em funções de Estado. Repito, um Post que me surpreendeu – pela negativa. Não estava á espera.
Mas, está, naturalmente, no seu pleníssimo direito de pensar assim. Que isto fique claro. Mas, por mim, prefiro ser criticamente frontal do que apoiante incondicional de tudo o que escreve. Leio com gosto muito do que escreve e menos noutras ocasiões. Mas criticar, como o faço agora, não implica desrespeitar. Tão só deixar uma opinião. As pessoas não têm que pensar o mesmo sobre tudo. As diferenças, sobretudo em política e em sociedade, são saudáveis. Bom fim de semana!
P.Rufino

Maria do Porto disse...

Sinceramente, não posso concordar com comentários negativos que se fazem a pessoas mais velhas. São depreciativos, chamando-os de " brigada do reumático", velhinhos, "che-chés",...
E muito menos quando são pessoas que politicamente não concordamos.
Sinto que é uma falta de respeito pelos idosos noa quais incluo os meus Pais, na casa dos 80, com uma vida preenchida e lúcida.
Desculpe o desabafo, mas não é a primeira vez que tal acontece. Pessoalmente, não sou das suas cores políticas, mas incomoda-me este tipo de comentários. Para lá caminhamos e não queria que tal me acontecesse...

TERESA PERALTA disse...

Ahahaha!! E, o nosso diagnostico será:
Lentes progressivas para vista muito cansada…
Não tarda, não vemos mesmo nada...
Beijinho, Helena :)



Helena Sacadura Cabral disse...

Meu caro Rufino
Vamos lá a esclarecer as coisas. O meu voto, se fosse militante ou simpatisante, ia para António Costa, sem qualquer dúvida. Que isto fique bem claro. Não é de hoje que assim penso. É de há muito. O que não quer dizer que o considere inatacável.
Esclarecida a questão, entendo que os apoios de que Costa precisa não são estes, cuja "história" conhecemos bem demais. Precisa de jovens que se empenhem com ele na reconstrução do país.
Os senhores da foto, a quem me limitei a chamar jovens e não a desrespeitar, como diz, do meu ponto de vista - e só dele -, afastarão de Costa alguns do votos, o que é pena. Seria o que comigo aconteceria. E acredite que conheço bem demais alguns dos que estão na fotografia.
Tenho pena que não tenha entendido o meu comentário e o considerasse desrespeituoso. Não é o meu estilo nem nunca foi. Quanto aos comentários que tece ao actual governo, já li comentários seus, noutro blogue, esses sim ofensivos. Mas nunca lhes respondi, porque todos sabem o que penso dele, apesar de lá ter um filho.

Célia Maria disse...

Também penso que António Costa precisa de jovens ao seu lado e também da sabedoria de alguns menos jovens.Mas as caras conhecidas e que fazem impacto são estas e quero acreditar que outras muitas outras com menos idade estejam a apoiá-lo.Não encontrei falta de respeito pela velhice destes senhores no post da HSC mas sim nos postados por alguns leitores que acham que ter mais idade é sinal de incompetência e senilidade,Até porque muitos aqui incluindo a autora do blog e eu :) estamos no mesmo percurso e quem sempre leu ou ouviu comentários da autora sabe que é incapaz de menosprezar a chamada terceira idade.

Anónimo disse...

Este seu post é de uma desilegância tremenda. Ridicularizar pela idade é uma coisa má de mais. Meu deus, todos envelhecemos, começamos logo á nascença. Não parece seu. No geral gosto do que escreve. Por vezes, deixa-nos surpreendidos. Afinal ...

Anónimo disse...

e ainda diz que não gosta de política?? Ui ui que faria se gostasse. Feio!

Anónimo disse...

Grato pelo seu esclarecimento. Mas, alguns dos comentários que o seu Post provocou, deu origem, legitimamente, ao que escrevi. Quanto a outros comentários que porventura faça noutros Blogues, por vezes bastante duros sobre este governo, de que sou, assumidamente, um forte crítico, devo dizer-lhe que tenho igualmente um familiar no governo e quando estou com ele digo-lhe exactamente o que penso deste governo. O facto de lá estar, não o desculpabiliza de críticas. Quem está na política sabe isto mesmo. E tenho membros da família que apoiam este governo e se a conversa calha de ser sobre o mesmo, não me inibo de criticar fortemente as suas opções político-economico e sociais. Tenho amigos a passar por situações pessoais dificílimas, uns já perderam as casas que tiveram de entregar aos bancos, familiares que viram as suas reformas e pensões reduzidíssimas, enquanto que outros que viveram acima das suas possibilidades, continuam fora das malhas da justiça, ou obtêm privilégios deste governo (e outros antes dele), quer a nível fiscal, quer de “jobs”, quer de oportunidades de negócios, etc (Paulo Morais tem já tem abordado estas situações). A mim revoltam-me e repugnam-me estas distinções, estas injustiças sociais e se um governo, seja quem lá esteja, as defende, merece a minha profunda repulsa. Seja este ou outro. Temos bons exemplos na Europa a que pertencemos, entre governos sociais-democratas e conservadores, que respeitam os mais fragilizados social e economicamente. Infelizmente, este governo não tem esta atitude. Ataca-os. Com toda a frieza e insensiblidade. Estamos mais pobres, mais endividados, o país está muito pior desde há 3 anos a esta parte. Mas há uns poucos estão ainda mais ricos. Assim, continuarei a ser um opositor férreo deste governo (ou de outro que lhe siga as pisadas).
Consideração,
P.Rufino

Anónimo disse...

Este post é realmente pouco adequado ao seu estilo. Mas acho que devemos relevar, desculpar. Afinal, ja tem alguma idade, como os senhores da fotografia.

Observador disse...

Estimada Helena
Não é de estranhar o apoio que os 'jovens' da foto' estão a dar a António Costa. Esse facto não me deixa estufefacto, muito menos me repugna. Surge quase naturalmente e tem significado. Já deu resultado e dará mais, muito mais.
Não é relevante se concordo ou não. Está a acontecer. Como alguém disse, é a vida.

Muito deselegante é que algumas pessoas, possivelmente por falta de argumentos credíveis, se limitem a ser medíocres. Não percebo, por exemplo, se utilizem termos como este:
"Velhos jarretas...todos juntos parece a brigada do reumático".
Ou: "Não compare estes cotas consigo....". Ou ainda, "Reparei que falta o bonzo-mor."
Por amor de Deus, quem assim fala não pode ser alguém de boa fé.
Podemos não gostar disto ou daquilo, não concordar com este ou aquele. Não devemos, a bem da nossa própria sanidade, recorrer ao insulto baixo.

E não, não é o seu 'post' que está em causa. A sua opinião é clara e fundamentada com a lisura que a caracteriza.

Por fim, apenas dizer que apoio António Costa sem precisar de fazer comparações com outros governos ou outros Partidos. É que consigo visualisar a tal linha que separa a mediocridade do bom senso.

Os meus cumprimentos.

Anónimo disse...

Boa noite cara dra Helena,prefiro os seus tangos a estes tanguistas.
Saudades das suas músicas que me dispõem bem.
Gosta do Costa e eu prefiro o Seguro.
Se pudesse escolher!... :-) HSC saía vencedora!
Bom domingo

Anónimo disse...

Que dirão estes jovens,da Ponte Salazar ter sido escolhida para estar entre as vinte pontes mais bonitas do País?!
Nosso País teve Grandes Homens!
Afonso

Anónimo disse...

Do mundo,digo!
Afonso

Helena Sacadura Cabral disse...

Anónimodas 16:10
É por ter idade aproximada aos da foto que me sinto à vontade para dizer o que disse e me não meto pelos caminhos em que eles se metem...
Acontece que, por andar pela geração deles, os conheço muito bem de outras guerras. E é esse facto que me leva a "opinar" que Costa ficaria melhor sem eles!

Fatyly disse...

Tive que soltar uma sonora gargalhada Dª. Helena e percebi bem a mensagem:):):)

Helena Sacadura Cabral disse...

Anónimo das 20:44
A política é quase sempre injusta. Seguro ganhou quase tudo o que havia para ganhar e, no entanto, parece que será Costa o eleito.
Como diz um blogger de quem gosto muito e que apoia Seguro... é a vida!

Helena Sacadura Cabral disse...

Maria do Porto, acha negativo chamar-lhes jovens?

Helena Sacadura Cabral disse...

Virgínia
Queria muito ir. Mas a agenda está complicada. Se eu for, aviso.

Anónimo disse...

Sucata...sucata...
Vamos ver o que vai dar á costa!
Por mim,estou seguro!
A Henriques

Anónimo disse...

também não julgo A. Costa inatacável. Mas Seguro é muito mauzinho. Foi talvez isto que os históricos do PS quiseram dizer com o apoio. AC sabe que esse apoio tem saldo positivo se. E se, é a parte que ele, AC, tem de fazer, rodeando-se sim de gente honesta e competente, com coagem e vontade de trabalhar. mas não sei se há.

Anónimo disse...

Ups! O sr que falta na foto só frequenta o Gambrinus por isso não está na tábua rectangular.
M Soares

Anónimo disse...

É preferível um porto seguro,que uma costa ensombrada e carcomida por velhos rochedos.
Mas há belas portas que se abrem para o mundo...
A ver vamos.
Adamastor

Mariana disse...

Esta fotografia (incompleta) só me provoca um leve sorriso e digo baixinho:
- Tudo bons rapazes!...

Anónimo disse...

Quer dizer que acha que quem apoia AC são apenas velhinhos, é isso? Devia saber que não são apenas esses. E já agora aproveito para dizer que se calhar o grande problema do nosso governo é esse mesmo, a idade dos jovens irresponsáveis que lá estão. Meninos da mamã e do papá que, como se tem visto, não têm nenhum respeito pelos idosos. Ah e se quer que lhe diga, o seu post deixou-nos ver quem realmente são os seus habituais comentadores. É uma surpresa vermos determninada linguagem e postura de pessoas de quem se espera um outro 'saber estar'. Não gosto mesmo nada de dizer a frase que se segue, mas neste caso, (para certos comentadores) vou ter mesmo que a usar: 'tantos estudos, tantos estudos...para quê?'
Uma boa semana.

Anónimo disse...

Ó p'ra eles "bons rapazes" com boas reformas a desfrutar... ele há "rapaziada" com sorte!
http://youtu.be/2y1iUyeK4fc
Têm as costas protegidas.