terça-feira, 21 de julho de 2015

A seis é que é bom...


Hollande, um rapaz cheio de ideias, veio propor, para inquietação de uma certa Esquerda europeia, uma Europa de Vanguarda  - palavras suas -, constituída pela França, Alemanha, Bélgica, Holanda, Itália e o Luxemburgo.

A sugestão foi tomada por muita gente como uma manifestação da chamada silly season. Ao contrário, eu constato, uma vez mais, o lamentável estado a que a Europa chegou...

HSC

18 comentários:

C. N. Gil disse...

Qual Europa?

:)

maria franco disse...

Esta notícia fez-me lembrar "o galope para
a moeda única","pelotão da frente" em 1998.
O Reino Unido nunca aderiu, o que sempre
me fez uma grande confusão.
Constata-se uma vez mais, o estado
lamentável desta Europa.

Virginia disse...



O Luxemburgo, sobretudo , é essencial para a nova Europa.

Tem 30% de Portugueses que podem dar uma achega.

Desculpe, Helena, mas dá-me para rir....

João Menéres disse...

Há tanta confusão...


Melhores cumprimentos.

Anónimo disse...


http://youtu.be/jfEzfKoipOM

:-)

Sérgio S disse...

É desta que os nossos amigos ingleses abandonam o barco...

irene alves disse...

Obviamente que a ideia não foi dele...
Sabe-se de quem foi.
Esta Europa vai desintegrar-se toda...
O nosso Primeiro-Ministro é que pensou que
estar sempre ao lado da Alemanha "nos dava
garantias"...
Eles querem o clube dos "ricos" e os "pobres"
que se lixem!!!
Cumprimentos
Irene Alves

Luisa António disse...

Querida Helena,

Sou a Relações Públicas da Old House Lisbon, onde gentilmente nos visitou e pelo que soube, fez a generosidade de experimentar as "nossas iguarias de Sichuan".
Sendo a sua fã Nº 1, tive TANTA pena de não lhe ter entregue o Ramo de Flores que tanto merece. Não me foi possivel estar presente.

Tenho fotos para lhe enviar.
Indique me pf um contacto de email.

Um beijinho no Coração

Luísa António

Luísa António

Sofia disse...

A Europa está muito diluída...e com pessoas igualmente vazias que tomam em mãos o destino de um país.

Sofia
www.umt2naholanda.blogspot.com

Anónimo disse...

A lógica do presidente francês parece aplicar-se não a seis países mas a cinco e meio. A RDA não integrou o núcleo fundador...

Anónimo disse...

É porque são quase "seis" horas e considero que apenas dois partidos em Portugal conseguiram dar a volta a um enorme desastre (falência técnica) como na terra dos deuses do Olimpo,urge dizer com satisfação um enorme obrigado ao nosso governo.Foi um deleite escutar o nosso ilustre e honrado Vice Primeiro-Ministro na Sic.Claro,conciso,educado,coerente,realista,humano,solidário,esperançoso no futuro e com elegância e classe que se aprecia num político elucidou-nos do que herdamos do socialismo destruidor e como foi difícil sobreviver a estes quatro anos muito difíceis,mas que com coragem e força de vontade é possível.
Bem haja Dr Paulo Portas pelas suas palavras e á Senhora sua Mãe pela dignidade que os representa.
O meu sincero aplauso.
BSC

Anónimo disse...

O Senhor Royal-Trierweiler-Gayler vai a caminho das seis.Ele lá sabe...
Francisco

Anónimo disse...

Gayet
Miguel M

Anónimo disse...

São estes tipo de comentários que gosto de ler.
De: jaimempreis@gmail.com

Anónimo disse...

Mas quem é que manda nisto?

Anónimo disse...

Gosto.

Anónimo disse...

Um beijinho grande para a Helena Sacadura de Cabral.

Anónimo disse...

De noite voltarei a escrever.