quinta-feira, 5 de abril de 2012

Bela campanha!


"Crie filhos em vez de herdeiros."
"Dinheiro só chama dinheiro, não chama para um cineminha, nem para tomar um sorvete."
"Não deixe que o trabalho sobre sua mesa tampe a vista da janela."
"Não é justo fazer declarações anuais ao Fisco e nenhuma para quem você ama."
"Para cada almoço de negócios, faça um jantar à luz de velas."
"Por que as semanas demoram tanto e os anos passam tão rapidinho?"
"Quantas reuniões foram mesmo esta semana? Reúna os amigos."
"Trabalhe, trabalhe, trabalhe. Mas não se esqueça, vírgulas significam pausas..."
"...e quem sabe assim você seja promovido a melhor ( amigo / pai / mãe / filho / filha / namorada / namorado / marido / esposa / irmão / irmã.. etc.) do mundo!"
"Você pode dar uma festa sem dinheiro. Mas não sem amigos."

E para terminar:

"Não eduque seu filho para ser rico, eduque-o para ser feliz. Assim, ele saberá o valor das coisas e não o seu preço."

Trata-se da campanha publicitária de um banco a decorrer em S. Paulo e mostra não só criatividade do seu autor como a inteligência da instituição que a escolheu.

HSC


10 comentários:

Teresa disse...

Frases extraordinárias!
Importa-se que roube?

Raúl Mesquita disse...

Atraente, sem dúvida, Cara Helena. Genial no texto! Os fins são, no entanto os mesmos… Todavia, há uma diferença muito importante, na qual a Helena, naturalmente, reparou e que, por isso, nos trouxe: a de um país que cresce economicamente, em face de nós e do resto da "velha Europa", que se curva com o peso da idade; podia, é claro, curvar-se com dignidade, mas os PM que tem à sua frente desconhecem essa palavras e outras, como solidariedade, honra e fico-me por aqui.

Agnóstico, como creio que já disse no seu Blog, escolhi para hoje à tarde a "Paixão Segundo São João", por John Eliot Gardiner.

Um Bom Domingo de Páscoa para si e para Todos.

Raúl.

Pôr do Sol disse...

Cara Helena,
Gosto muito de passar por esta sua casa, descubro sempre qualquer coisa.(já que não posso comprar todos os jornais).
É de facto uma bela e inteligente campanha publicitaria.
Pouparam assim alguns milhares de euros/reais, ao contrario dos bancos em Portugal que pagam balurdios a figuras de topo como CRonaldo, Mourinho C Furtado etc etc, tentando que o pobre portuguesinho abra lá conta e se julgue igual aos anunciantes.
Apenas por cultura geral, gostaria de saber qual é o banco.
Os meus melhores desejos de uma boa a santa Pascoa.

Isabel Seixas disse...

Passei essencialmente para lhe desejar Boa Páscoa e encontrei amêndoas selecionadas em sabedoria do essencial ao coração...

As frases uma por uma são enternecedoras retratando uma filosofia de vida que vale a pena estimular.

Um Abraço

Helena Sacadura Cabral disse...

Boa Páscoa a todos!

Cara Pôr do Sol
É um banco estrangeiro que eu não quis, como calcula, nomear para não dizerem que fazia publicidade encapotada...

Helena Sacadura Cabral disse...

Cara Teresa
Pode rubar à vontade!

Paulo Abreu e Lima disse...

Um excelente Domingo de Páscoa!
Do seu,
paulo

Helena Sacadura Cabral disse...

Querido Paulo
Muito obrigada. Para si e para os que ama também!
Abreijos

Anónimo disse...

Cara Helena,
Antes de qq comentario os meus mais sentidos pesames pela perda q sofreu bem como a q o Pais sofreu, nao era "seguidor" partidario do Miguel, mas seguia o atentamente pq para alem de tudo era um cidadao com um pensamento livre sem amarras a ideias ultrapassados e gastos, era um homem de visao e mais importante de tudo era e sera a minha memoria dele um defensor dos seus ideiais e sempre respeitador das outras opinioes.
Dito isto gostaria de deixar um pensamento e uma pergunta no ar,
tenho para mim q algue q esta a frente dos destinos de um Pais tera q ter alguma experiencia de vida, ser respeitado peço um sem numeros de qualidadesq possam de algum modo mobilizar as pessoas, é deste modo um pouco simplista q vejo as coisas, no entanto neste momento somos governados pelo menino da JSD q de percurso profissional tem 0% de reconhecimento, nao tem back ground, e nao esta so...O Jose Seguro é rigorosamente igual, pergunto eu, ate quando esta estado de coisas continuara, ate quando nos iremos permitir isso, ou ate quando estes jovens no poder se envergonham e deixam de brincar com um Pais com a nossa historia e se retiram ?? a culpa é nossa sociedade civil q nos deixamos levar, nao nos importamos , basta nos dizer q "isto esta mal" e nao fazemos nada para q mude.
cumprimentos,

jordao Felix

Anónimo disse...

Nem sempre como mães, pudemos desviar os nossos filhos dos maus caminhos, ou de caminhos menos certos, porque também nós por vezes não os reconhecemos, mas sempre os ajudamos a procurarem e a encontrarem a felicidade. Todavia há outras forças que nos são superiores que nos tiram cedo de mais aqueles que mais amamos, ficando um vazio dificil de voltar a ser preenchido.
Um abraço muito forte nesta altura tão dificil de suportar. Eu gosto de gostar e quero que saiba que gosto muito de si e dos seus Meninos, tão dferentes e tão iguais. Sara ANtónio