domingo, 11 de setembro de 2016

O governo sombra


Devo confessar que a inteligência e o sentido do humor são duas qualidades às quais sou extremamente sensível, pese embora algumas escolhas que fiz por causa delas, não terem sido as mais acertadas. Acontece.É a vida, como diz um amigo meu.
Vem este intróito a propósito de um programa radio televisivo chamado Governo Sombra, conduzido por Carlos Vaz Marques e que tem como participantes Ricardo Araújo Pereira, Pedro Mexia e João Miguel Tavares, que nunca perco, porque é um dos mais inteligentes talk shows que passam nestes dois meios de comunicação. 
O facto só me surpreende porque tenho mixed felings em relação a todos os seus componentes e nenhum deles isoladamente me levaria a esta fidelidade.
Explico melhor.  Considero-os todos pessoas de cultura e humor muito acima do que grassa habitualmente entre nós. Mas qualquer deles tem algumas características que me irritam imenso. Todas ligadas ao facto de tentarem disfarçar que se consideram muito bons... E o pior é que o são!
Pois bem, aqui neste programa, nada disso importa porque além de muito bons, funcionam em grupo de forma brilhante.
Muito disso se deve à inteligente forma como Vaz Marques conduz o dito governo, mas a equipe não lhe fica atrás. E eu que não apreciava particularmente Ricardo Araujo Pereira desde que ele deixou de ser o Gato Fedorento do inicio - que saudades do homem bomba ou do autarca entrevistado - para passar a ser o homem que publicita as grandes instituições, tenho que me vergar à sua enorme criatividade.
De Pedro Mexia, conheço alguma coisa e é bom o que conheço. De João Miguel Tavares diverte-me a sanha que ele tem em em relação a alguns políticos, nomeadamente, por exemplo, ao meu filho Paulo.
Como se vê, continuo uma dependente destas duas qualidades - humor e inteligência - e tiro o chapéu ao programa que, para mim, só tem um "senão"... que é o de ser totalmente feito por homens! 

HSC

13 comentários:

maria madeira disse...

Em relação a este seu texto, subscrevo na integra. É, de facto, muito bom o programa. Ainda por cima é em directo, o que me agrada sobremaneira. Programas em directo têm outro impacto.

Pena que neste país exista tanta gente, em diversas áreas, que não tenha o menor sentido de humor. Acho que somos um país que se leva demasiado a sério, não que a seriedade não seja necessária, porque é, só que de vez em quando o humor descomprime. Consegue-se superar melhor os problemas com algum humor à mistura. Penso eu...

Aniceto Carvalho disse...

Lamento ter de discordar da Senhora Doutora... POSSO? Já não aguento mais programas de politiquice de chinelo, só de ver a cara desse Araújo Pereira fico doente.

Isabel Mouzinho disse...

Ainda hoje me fartei de rir com o "Governo Sombra", mas não gosto de o ver e por isso prefiro ouvi-lo ao Domingo de manhã na TSF.

Unknown disse...

Sanha dra...peço desculpa!

Silenciosamente ouvindo... disse...

Também sou uma assídua espectadora do Governo Sombra.
E subscrevo as suas palavras.
Dizem coisas mtº. sérias com um ar descontraído...
Há uma grande diferença entre o Governo Sombra
e o Eixo do Mal à mesma hora em canais diferentes.

Também concordo com a drª. Helena uma mulher
naquele grupo talvez desse "outro toque" mas já
está muito enraizado que são aqueles...mas pode
ser que um dia experimentem.

O moderador com aquele sorriso...uma maravilha!!!

Boa semana. Os meus cumprimentos.
Irene Alves

Helena Sacadura Cabral disse...

Aniceto
Claro que pode discordar.
E compreendo muito bem o seu cansaço.
Mas prefiro ouvir estes, aos originais que governam. Destes, sim, humoristas da mentira, eu tenho um enorme cansaço. Seja a geringonça ou a caranguejola!

Helena Sacadura Cabral disse...

Unknown
Tem toda a razão. Foi um lapso que já corrigi. Obrigada!

Fátima Magalhães disse...

Parabéns Paulo!! Muitos Parabéns!! Um dia feliz e beijinhos à mãe!!

Teresa Samelo disse...

Estou de acordo. Não vejo o programa exactamente por estar farta de ouvir mais um conjunto de senhores.
Aproveito para lhe dizer que gosto muito do seu blog.
Bem haja!
Teresa Sá e Melo

Aniceto Carvalho disse...

A Doutora Helena não me dá hipóteses nenhumas: Como nas opções da velhice, todas outras são muito piores.

Maria Isabel Mesquita disse...

Também gosto muito do Governo Sombra.Tocam nos assuntos, com verdade, mas com uma certa suavidade e humor, que me agrada muito.
Além disso, não berram, não se zangam, não são agressivos uns com os outros, e mostram estar atentos e sabedores do que dizem.
Para mim, não faz falta uma mulher.
Arranjem outro programa, este está bem assim.
Uma boa semana para a Doutora Helena

Maria Isabel

Portuguesinha disse...

Inteligência cativa. Humor cativa.
Mas tem de existir outras coisas mais ou algo muito bom pode revelar-se muito mau.

Não conheço o programa mas gostei da descrição que fez.
Como de política pouco sei e quase nada entendo, não será um género que me convide a conhecer. MAS... como os grandes clássicos de humor da TV britânica e tudo o que seja humor com inteligência, decerto que consegue fazer com que se entenda até melhor, o que até então pouco se conhece.

Boa semana.

Maria Eugénia disse...

Eu pessoalmente gosto mais do Eixo do Mal. Se concordo sempre com o que dizem? Não, claro, até porque há várias tendências ali, mas sei ver as diferenças. Respeito às suas opiniões e tiro as minhas conclusões. Parecem- me, no entanto, pessoas sérias que expressam o que sentem.
Bjs da Maria do Porto