sábado, 17 de setembro de 2016

Do coração e da alma!

Por um conjunto de circunstâncias tive motorista às minhas ordens, por cerca de cinco dias. Parecia uma verdadeira barata tonta, a aproveitar a oportunidade, para pôr em ordem tudo aquilo que carecia de deslocações. E, fora os bancos, tudo o que diz respeito à minha vida pessoal e da sociedade, está arrumado e a bater certo. 
Tudo, menos a visita que fiz ao meu irmão mais velho, que está serenamente a caminho do fim. Morro de tristeza porque amo profundamente os meus irmãos e preciso de poupar o mais novo a este choque, dado que está em África a trabalhar.
Assim, hoje precisei de me dar ao luxo de aproveitar o motorista - depois de ontem ainda ter dado uma longa entrevista ao Expresso, a propósito do meu novo livro, de Memórias, e de ter participado numa mesa de debate na FIC - e ir a Valinhos, em Fátima, pedir serenidade, agradecer as benesses e rezar por aqueles que delas precisam.
Almocei sozinha na Tia Alice, no restaurante dessa doce senhora  de quem muito gosto e que gosta de mim, que com a maior ternura me não deixou pagar a refeição.
Soube-me tão bem este dia, que nem sequer me lembrei que segunda feira vou ao meu cardiologista, o Pedro Abreu Loureiro, onde já devia ter ido há muito tempo!

HSC

8 comentários:

Silenciosamente ouvindo... disse...

Desejo muito que a sua ida amanhã ao cardiologista
lhe confirme que está tudo bem.
Os meus cumprimentos e um sereno domingo.
Irene Alves

Madalena Amaral disse...

A sua forma de pensar e de estar na vida dá-me, também, serenidade . Acredite que ao ler passagens dos seus livros, contam alguns na minha estante, sossega-me a alma ! Por isso, a Senhora nunca irá morrer ...
Tudo bom para si !
Abraço !

MA

Virginia disse...



Só damos valor à saúde quando o mal nos ataca os entes queridos.

Estou a passar um desses momentos e custa-me mais ver os outros a sofrer do que eu propria ser submetida ao sofrimento. Não andarei muito por aqui. Espero que o seu irmão não sofra...e que a Helena esteja rija!

Bjo

Maria Eugénia disse...

Foi uma semana em cheio aproveitando as oportunidades que a vida nos dá. Fez bem.
Que Deus se lembre do seu irmão e lhe dê serenidade nesta fase da vida.
Para si boas notícias na visita ao seu cardiologista.
Bjs da Maria do Porto

Tété disse...

Desejo ao seu irmão o que peço para mim e para os meus, que não sofra e que Deus faça o melhor para ele.
Quanto a si, mas desde quando é que tem autorização para não estar bem? Mais comprimidinho, menos comprimidinho, vamos tê-la por muitos anos graças a Deus. E o bem será se puder igualmente acompanhá-la.
Beijos e muitos abraços.

Garcia Freitas disse...

Que esteja tudo bem é o meu desejo, não quero ser egoísta mas a Dra Helena dá-nos serenidade apesar dos seus problemas, bem tristes nesta momento.
Um abraço.
Fátima Freitas.

A Mais Picante disse...

Deixo-lhe um abraço, Helena.
Espero que a ida a Fátima lhe tenha sido frutuosa em serenidade (coragem sei que tem de sobra).

maria franco disse...

https://youtu.be/EMQPy0jT1zM

Gosto desta canção e tomo a liberdade
de a partilhar. Palavras e música que sabem bem.
Tudo de bom para si.