sábado, 29 de agosto de 2015

Cenas da vida quotidiana (2)

Na maioria dos países, a notícia está no anúncio de que vai ocorrer ou ocorreu alguma coisa. Em Portugal é diferente. Noticia-se algo que não ocorreu.
É assim que Pedro Santana Lopes anunciou hoje que não se candidatava a um lugar para o qual nunca se havia candidatado.
Tinhamos já uma série de candidatos a Presidentes da Republica. Inauguramos, agora, uma lista de não candidatos. Na qual a maioria dos portugueses se pode rever. É isto que eu gosto na política nacional!

HSC

19 comentários:

Fatyly disse...

Grande verdade, mas o certo é que com essa postura que admirei calou as bocas de quem fala sempre na base dos verbos "julgar e saber".
Julgavam? Sabiam? pois é...Santana marcou o penalti...goloooooooo e subiu na minha consideração...ponto final e maisnada:)

Bom dia

Silenciosamente ouvindo... disse...

Sabe o que eu acho, drª. Helena? É muito vaidade!!!
A Comunicação Social só devia dar cobertura aos candidatos
após a apresentação da candidatura. Dirão: é pouco tempo,
mas evitaria o uso indevido, e estarem a enganar o povo
durante tanto tempo.
E a SIC deu-lhe ontem demasiado tempo de antena, na SIC Notícias,
mesmo demasiado, para se justificar e mais uma vez enaltecer
com tudo aquilo que já fez em prol dos outros...
Lamento tanto que seja assim em Portugal, parece que vale tudo!
Cumprimentos,drª. Helena.
Irene Alves

Observador disse...

Pedro Santana Lopes é mestre em tácticas.
'Anular' um compromisso que nunca havia assumido, não esconde a sua vontade de se candidatar a Lisboa (CML).
A desculpa de que tem em mãos, na Misericórdia de Lisboa, um projecto para acabar, compreende-se mas não muito.

Uma lista de não candidatos ... parece-me bem. Uma inovação?

Anónimo disse...

Ainda bem que ele continua a andar por aqui.É de um bom mestre que o país precisa.E com a idade e a perda do pai humanizou-se.Cresceu,amadureceu e penso que agora opta pelo essencial para os outros.Tem carisma e isso ás vezes incomoda.
E se a táctica tiver efeito positivo que venham muitas...
AM

Anónimo disse...

E quem não inova não tenta,e quem não tenta,nunca consegue.
Belo odor a Higher.
TM

Anónimo disse...

Ó Dra Helena! Há quem seja como a pescada - Antes de ser,já o é.
O Dr Pedro SAntana Lopes nasceu com veia presidencial,por isso não é de estranhar.Até já está entranhado nas artérias do país.Que ele anda por aí,anda!


Anónimo disse...

Logo o melhor é que não se candidata.É mau!
JG

Madalena Ferreira disse...

Olá,

Dra.Helena,foi ontem sexta-feira e não hoje, que a SIC deu tempo de antena ao seu comentador -Dr.Santana Lopes -, para dizer o que lhe ia na alma. O Dr.Santana Lopes sabe muito, mas nós também sabemos alguma coisa!

Trocar o certo pelo incerto?
Não será melhor esperar pelo dia 5 de outubro?
No futuro tudo pode acontecer?

Na Grécia marcam-se referendos e eleições de um dia para o outro, cá anda-se desde janeiro a falar de legislativas de presidenciais e ao mesmo tempo vai-se governando ou não?
Cansa e quanto mais se fala, mais aumenta a abstenção.
Mudam de visual, de óculos, etc., só não mudam de linguagem!

Um abraço,

Carlos Fonseca disse...

A culpa não é tanto de Santana, ou de outros supostos candidatos, mas antes da esquizofrenia noticiosa nacional.

Santana Lopes há muito que tinha lançado o anzol, mas as sondagens explicaram-lhe que o isco era mixuruca.

blueocean disse...

https://referendoao90.wordpress.com/

Anónimo disse...

Tomara a muitos ser como ele, é o que lhe digo

Virginia disse...

Primeiro enxameiam-nos de notícias sobre os factos, as previsões, opiniões e críticas. Depois fazem notícia com o desmentido de tudo isso, enchendo novas páginas e telejornais sobre os mesmo não factos. Apetecia-me dizer uma palvra feia, mas contenho-me.

Quanto o PSL, não há pachorra para tanta snobeira...

Anónimo disse...

Snobeira. Quanta injustiça senhora.

Dalma disse...

Escreve a HSC: "... Pedro Santana Lopes anunciou hoje que não se candidatava a um lugar para o qual nunca se havia candidatado". Isto a meu ver com uma pontinha de crítica, embora ficasse sem perceber se essa crítica se dirigia ao PSL, se ao jornalista que deu a notícia!
Na minha lógica não é necessário ter-se candidatado para não ser candidato!
Vejamos: há um lugar, um posto, uma posição... eu posso dizer aos outros potenciais concorrentes " fiquem descansados que não me candidato!". Não era pois necessário ter apresentado o meu currículo para afirmar a minha não intenção. Não será?

Anónimo disse...

Dr.Pedro Santana Lopes é o espelho do Dr. Francisco Sá Carneiro.
Quem dera vissem isso e ele continuasse na politica.
AMarques

Anónimo disse...

O tempo há-de provar que Pedro SL é um homem de valores nobres e dignos.Portugal precisa de homens assim como ele.

LMello

Helena Sacadura Cabral disse...

Anónimo das 16:29
Ah! Ah!
Quem percebe, percebe. Quem não percebe, paciência!

Anónimo disse...

Gentleman.
Ana Sottomayor

Anónimo disse...

O comentário das 16.29 (snobeira),dirigia-se a uma sua comentadora (snob, até). obrigada