terça-feira, 30 de novembro de 2010

Será possível?!

O dislate é tão grande que até receio não ter ouvido bem. Parece que o (des)governo deste país se prepara para criar uma empresa publica para fiscalizar as célebres PPP - Parcerias Publico Privadas -, onde teriamos a oportunidade de colocar mais uns boys and girls. Ou seja, em linguagem menos elaborada mais uns lugarzinhos e uns ordenadozinhos para fazer o que quer o Ministério das Finanças quer os das tutelas têm a obrigação de fazer.
Não há quem ponha tento nestes senhores? E o que faz o PSD, o partido comprometido com esta governação? Não faz nada? Não opina?

HSC

6 comentários:

Gaivota Maria disse...

Qual opina. Apenas aguarda para ver e se fruta cai de madura e os PSD vão para os ramos

António disse...

Neste país já nada me admira! Segundo parece essa empresa pública vai mesmo para a frente,
Há uns dias vi um mail com uma transcrição do Diário da República, mostrando a nomeação de uma assessora de um partido na Assembleia da República, que por acaso é mãe de um deputado do BE. Facto que estou certo, nunca poderia acontecer consigo, quer porque nenhum dos seus filhos se lembraria de tal, quer porque estou certo que a HSC também não aceitaria.

voz a 0 db disse...

Então não é possível... Acho que por vezes a Cara Helena, esquecesse do País onde vive!
Fala do PSD?
Novamente... anda distraída... pois esses como já estão a sentir o cheiro do poleiro, nada opinam nem, tão pouco fazem, pois assim que assentarem arraiais lá, naquele Edifício Moribundo (A.R.), já têm mais uns passa-tempo para os "boys" do Clube, ups, desculpe, Partido...

Lura do Grilo disse...

Os partidos estão anacrónicos e incapazes de exercerem autocrítica.
Não acredito que se regenerem de cima para baixo: as cúpulas já cresceram na banalização de inqualificáveis desmandos.

O que aí vem já não sei. Que o Banco Alimentar vai ter cada vez mais trabalho não duvido.

Helena Sacadura Cabral disse...

Meu caro António, sobre isso não tenha dúvidas. Nem os meus filhos me propunham nem aceitava.
Se alguma coisa consegui até hoje, foi pelo facto de ser mãe deles, ter tido alguma má vontade de quem não os aprecia. Já aconteceu.
E, recentemente, entendi recusar algo que até gostaria de ter aceite, por considerar que poderia ser delicado para eles. Que se diria, se me vissem na tv a fazer comentário político?!
E esta hein, como diria o Peça?

jmc disse...

O PSD deve estar neste momento a escolher os nomes que irão suceder aos boys agora colocados. Por isso não tem tempo para opinar, ocupado como está!...