domingo, 8 de outubro de 2017

É o que há...



"Tendo em conta que o alvo da campanha para sensibilização da população para a vacinação contra a gripe são sobretudo os idosos, e entre estes, provavelmente, os com menos instrução serão os que mais carecerão ser sensibilizados, quem se lembrou de ir buscar a Guerra dos Tronos e um texto em inglês? Melhor: quem foi a besta que autorizou esta campanha?" 

                  Rui Herbon em Delito de Opinião

Alguém me explica porque é que se faz uma campanha pró vacinação em inglês?! Será que alguém considera que há mais turistas que portugueses? Ou, pior, que estes são mais importantes que nós?
Francamente, estas cabecinhas pensadoras, deixam muito a desejar...
É a vida. É, sobretudo, o que temos...

HSC

21 comentários:

Anónimo disse...

Influenza cara Dra.Só pode!

Anónimo disse...

É um - Portugal Fashion.
Pedro

Anónimo disse...

Poema sensual

Quando eu te encontrar, possuir-te-ei.
Quando eu te encontrar, levar-te-ei até à cama.

Sem pedir licença, tocar-te-ei em todo o teu corpo e te possuirei.
Vou te deixar com uma enorme sensação de cansaço, e entrega total.

Lentamente vou te fazer sentir arrepios, fazer-te suar profundamente.
Deixar-te-ei ofegante, tirar-te-ei o ar, a tua cabeça pulsará.

Da cama não conseguirás sair!
E quando eu terminar, irei embora sem me despedir, com a certeza de que voltarei!

Assinado:
Gripe

João Menéres disse...

Lembram-se do ALLGARVE ?

Era outra cabecinha pensadora !...

Dalma disse...

É preciso ser muito pacóvio, quer quem o pensou quer quem o autorizou!!!

Dalma disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

Podia ser pior... podia ser em espanhol.

Aniceto Carvalho disse...

Por estas e por outras é que eu, às vezes, gostava de lhe fazer chegar algumas coisitas que escrevo. SAUDINHA DA BOA.
Aniceto Carvalho

Anónimo disse...

Absolutamente extraordinário! Ainda não tinha visto e só espero que não tenha saído da cabeça de algum «iluminado» da DGS, já a pensar que, como sai o Frederico George, toca a mostrar coisas novas.
O Dr. Sobrinho Simões diria uma frase, que todos compreendessem, com boa cara e sorriso e que começaria por «Nós, os velhos, devemos vacinar-nos contra a gripe, por ... e não nos custa nem um cêntimo»
Enfim, hoje tive o gosto de ouvir o seu filho Paulo na TVI 24. Que bom, que claro e em PORTUGUÊS a sério, como sempre. Com aquele ar «desenxovalhado», como diria uma tia minha, um «clássico» i.e. com classe, como diria o Miguel Veiga. Já cá não estão os dois..
Beijos e muita saúde para os dois!
São Jordão (amiga do Miguel)

Pedro Coimbra disse...

Pura saloiada, nada mais.

vitor manuel disse...


Francamente não entendo!!!

Subuscrevo totalmente as suas palavas.

Será que os portugueses já estão

em 2º. plano?

Os meus cumprimentos.
Irene Alves

Teresa disse...

Ridículo, no mínimo!! Moro em Alvalade,e no mercado local,e numa banca onde vendem,queijos,pão, fiambre,estão os preços e a legenda em Português e a seguir em Inglês!! Dizem que têm muitos clientes "estrangeiros"!!Mas aqui o bom sendo impera,primeiro o Português!

Anónimo disse...


Helena

Tão giro o poema da gripe!

Ainda não tinha visto, o mal foi de quem o aprovou ato não pensante.

Se puder veja vai gostar emoção/sentimentos tudo tem uma explicação os homens da ciência assim o dizem.

Como vai com o curso de filosofia?
Tenho aprendido tanto, adoro mesmo.

https://www.youtube.com/watch?v=w8OpY2XRLdE

Abraço
Carla




Abraço
Carla

Anónimo disse...

Carla, be carefull because poder ser the next vítima!

Gripe

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Gripe
Depois de ler o seu poema senti-me a menina do capuchinho vermelho que pode encontrar o lobo mau. Que medo sensual!

Anónimo disse...

Cara paciente,fique a pau,senão será um grande 31... :-)

Assinado:
Gripe

MPR disse...

Bem... ... Nós somos mesmo especiais !

Pensando bem ... acho que esse atributo se deva ao facto de em Portugal todos falarem inglês após o parto !!

MPR





Anónimo disse...

Tanto quanto percebi, esta campanha apenas foi feita no Facebook do SNS. Atendendo a que os utilizadores deste tipo de meio de comunicação são as camadas mais jovens, é perspicaz terem recorrido a uma frase e a uma personagem tão populares da Guerra dos Tronos para os sensibilizar em relação à vacinação. Se fosse uma campanha "tradicional, em papel" direccionada para quem normalmente mais precisa de ser vacinado (p. ex., os idosos) faria mais sentido utilizar, por exemplo, a Fátima Lopes ou a Júlia Pinheiro. Penso que neste caso, nada tem a ver com portugueses vs estrangeiros ou algo do género. Trata-se sim de uma parte da campanha de vacinação direccionada para um segmento específico da população: os mais jovens.

PCabral

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro P Cabral
Mas não será melhor, em qualquer caso, usar a língua portuguesa? É que mesmo esses jovens que refere, lêem as legendas em português...

Anónimo disse...

A maior parte dos jovens usam muitos vocábulos ingleses... nao é nada surpreendente no meio de uma conversa que salte uma palavra como "budget" ou "download".

É apenas o reflexo do poder da língua inglesa no mundo e Portugal, país de costas voltadas para Espanha e de olhar fixado no UK e USA temos mais é que continuar a fomentar o ensino desta língua.

Sinceramente irritava-me mais se a campanha fosse em espanhol.

Anónimo disse...

Eu gostava de saber se nos "antigamentes" quando o francês era a língua ensinada e considerada culta na Europa, e nós adoptamos coisas como "soutien", "toilete" se também havia tanta gente indignada. Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades.