quinta-feira, 26 de outubro de 2017

As Farpas...


"Pedro Silva Pereira, o antigo braço direito de José Sócrates, faz hoje uma semana, em declarações à TSF, afirmava que «O Presidente da República está naquela posição fácil de poder alinhar com expressões de indignação e sofrimento do país sem ter que subscrever responsabilidade na solução de problema nenhum».


Na mesma data, numa intervenção feita na TVI 24, Fernando Rosas acusava o Chefe do Estado de se deixar «atrair pela intriga política» e «exceder o magistério presidencial».


Na mesma linha, Daniel Oliveira, na sua coluna da última edição do semanário Expresso, considerava que «O Presidente, uma raposa disfarçada de peluche, aproveitou. Distanciou-se de Costa no tom, o que é fácil para quem apenas tem a parte perfomativa da representação do Estado. (...) Não se enganem: o rei do teatro sensível tem uma frieza invejável no cálculo político.»


Porfírio Silva, membro do Secretariado Nacional socialista, rasgava as vestes perante o «inaceitável aproveitamento politiqueiro de uma enorme tragédia que o País viveu». O alvo continua a ser o Chefe do Estado.


E, qual cereja em cima do bolo, no jornal oficial do PS, já há quem chegue ao ponto de apontar tentações ditatoriais ao inquilino de Belém, lançando o toque a rebate. «A esquerda deve estar unida e coesa, para impedir esta caminhada preocupante e perigosa, combatendo a tentação presidencialista de Marcelo, que ameaça a democracia. E o presidencialismo, é bom ter presente, descamba, por vezes, em ditadura.»

                                        Fonte Pedro Correia no DO

A época da caça começou. Nem outra atitude seria de esperar. Assim, o tiro ao alvo a Marcelo disparou. Os excertos publicados são uma pálida imagem do que tem sido afirmado.
Não sou Marcelista e sempre chamei, aqui, a atenção para o risco de que o colo dado pelo PR ao governo, o pusesse numa perigosa "saia justa", que mais tarde ou mais cedo iria começar a estreitar. Está à vista...os barões já começaram a usar as suas munições. Talvez sejam as que não foram devolvidas a Tancos!

HSC 

9 comentários:

João Menéres disse...

Pensavam que tinham uma ama seca...

Melhores cumprimentos, HSC.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Na minha modesta opinião o PS só se prejudica atacando
o PR.

Quem esteve bem foi o PR, quem esteve mal foi o Governo.

Já estavam "todos inchados" após a vitória nas Autárquicas,

que a morte das pessoas e dos animais e da natureza pouco

lhes importava.

Eu estou com o PR,e que tenha muita saúde,bem precisamos dele.

Os meus cumprimentos.


Irene Alves

Anónimo disse...

Marcelo não se livra da fama de ser um 'traidorzinho'. Tal como em outros episódios da sua vida, agora fez mais uma das suas para fazer jus àquela fama.
Quando Marcelo fez a celebre declaração, já tinha sido informado sobre as intenções do governo e o afastamento da ministra. No entanto, fez de conta e toca a mandar a sua descarada punhalada, como se não soubesse de nada. Quem conhece o percurso de Marcelo, sabe que episódios destes são aos magotes.
Por isso, gabem-no, porque ele de facto merece que o gabem.
Ora pela primeira vez na minha vida vou deixar aqui um termo a propósito:
LOL

Pedro Coimbra disse...

O PR deu um murro na mesa.
E eu hoje também já me vi obrigado a dar outro.
O anterior PR era insultado por ser uma múmia.
este separa as águas e é atacado.
Afinal o que é que todos queremos???
Eu não gosto de lodo e lama.
O PR deixou tudo muito claro- tem o dever constitucional de deixar o Governo governar; a par com o dever constitucional de vigiar o Governo na governação.
Não foi isso que Marcelo fez?
Muito menos aliás que um outro PR que dissolveu uma AR que tinha uma maioria que apoiava o Governo ...

Fatyly disse...

O mal deste país é ter "tubarões" a mais que talvez nunca tenham comido o pão que o diabo amassou.

Para mim Marcelo esteve bem e Costa que não é parvo nenhum jamais irá contra, não o ouvi dizer mal apenas soaram as vozes dos referidos tubarões a ver se provocam uma tempestade.

É por estas e por outras que a política em Portugal tem muito pouco de "civismo, educação, reconhecer erros, juntar as tropas em prol de...em vez de serem defensores acérrimos partidários numa defesa ..."fico por aqui porque não percebo nada da "coisa" apenas sei e percebo que quem está verdadeiramente mal continuará o seu calvário com nuances e quem sempre este bem continuará sem saber/sentir o mal estar da vida!

Um abraço e bom fim de semana

Anónimo disse...

My Lady just Imagine the World is One - I'm a dreamer...
Strong hug.

https://youtu.be/bSmHMQEj2QE

Ghost

Anónimo disse...

My Lady just Imagine the World is One - I'm a dreamer...
Strong hug.

https://youtu.be/bSmHMQEj2QE

Ghost

Maria Silva disse...

Marcelo é genuíno e os políticos , esses, manhosos e oportunistas, não entendem essa forma de estar e tentam denegri-la, destruí-la.Mas o povo português sente essa sinceridade e essa forma humana de ser - nisso acredito.
Gosto das suas crónicas e estou de acordo com muitas das suas posições, que revelam respeito humano pelo outro, seja quem for, mesmo quando critica. Felicito-a sinceramente por se assumir deste modo desassombrado e coerente com os valores que uma geração vivida e sofrida sempre defendeu.

Maria Eugénia disse...

É o Marcelo da Vichyssoise... Palavras para quê?
Maria do Porto