domingo, 1 de maio de 2016

A missa deles...

Há uma semana o Padre Tolentino na sua missa de domingo, na Capela do Rato, invocou, a nosso pedido, o meu filho Miguel. Como sempre, tudo quanto disse, pareceu escolhido de forma especial. A referência ao meu filho foi comovente. Tanto, que nesse dia não consegui escrever sobre o assunto.
Hoje, oito dias decorridos, em que o Dia da Mãe coincide com o dia em que o Miguel faria 58 anos, o Padre Tolentino invocou o Paulo Varela Gomes sobre quem disse o que só ele sabe dizer e lembrou também o aniversário do meu Miguel, seu amigo. 
Fiquei feliz por ele os ter ligado na mesma missa. Há gestos e palavras que nos sabem muito bem, sem quase sabermos explicar porquê. Foi o caso. Obrigada Padre Tolentino!

HSC

11 comentários:

Silenciosamente ouvindo... disse...

Imaginar não é possível os sentimentos por que
passa em momentos como os que refere nest post.

De qualquer modo (penso) que lhe darão algum conforto.

Os meus cumprimentos

Irene Alves

Tété disse...

Tudo no sítio certo como ele tão bem sabe fazer.
Um beijinho

Anónimo disse...

🌹🌹🌹

João Menéres disse...

Há quem, nem a ausência física, jamais morrerá.

Melhores cumprimentos.

Anónimo disse...

Hand in hand

A

Anónimo disse...


Helena
Dois domingos muito emotivos, ontem pensei em si.
Há pessoas, que sabem tocar o outro no momento certo, o padre Tolentino é um deles.

Carla

Anónimo disse...

A missa deles...Ámen

Gralhas

ERA UMA VEZ disse...

Querida Helena

Ontem, na "minha" missa, calhou-me ler a Oração dos Fiéis.

Nas entrelinhas senti que aquela oração era sobretudo para as mães que como a Helena sobreviveram à DOR MAIOR.

Também me vieram ao pensamento aquelas mulheres que lutam tantos anos e nunca conseguem a graça de ser mãe e ainda as mães de meninos que sendo diferentes, muitas vezes só contam com elas para crescer.

Pensei em si Helena enquanto lia. Receba a minha admiração e o meu abraço.
Gostava de ter um dia conhecido de perto o seu Miguel.

O seu olhar era doce e atento como o seu...

TERESA PERALTA disse...

Grande sabedoria tem sempre o padre Tolentino.
Vejam-se, por exemplo, as afinidades entre "o Périplo" e o "Mundo de cá".
Beijinho Helena. Até amanhã 🌷

maria franco disse...

https://youtu.be/5q8fnWRcSAk

Não é fácil suportar as ausências de quem
muito amámos, mas por vezes a música dá-nos
um pouco de conforto.
Espero que goste do pedacinho de música que
com ternura lhe sugiro.

Anónimo disse...

🌷