sábado, 31 de outubro de 2015

Sopros de vida...

Praticamente afastada - por decisão pessoal de salvaguarda de sanidade mental -, das noticias rocambolescas em que o nosso país tem andado mergulhado, eis que, ao abrir, numa livraria, uma revista, tomo conhecimento de que havia morrido de ataque cardíaco fulminante, alguém que, com 59 anos, eu conhecera em certa época do meu passado. Fiquei triste.
Nesse mesmo dia, ao voltar a casa, o meu filho conta-me que alguem que muito estimo escapara, aos 67 anos, da morte. Talvez, creio, por decisão de Deus e competência dos médicos que o salvaram. Fiquei muito feliz.
A vida, esse sopro divino que os nossos pais nos transmitiram - como diz este meu amigo - só tem, infelizmente, verdadeira importância, quando estamos à beira de a podermos perder.
Lembrei-me muito desta circunstância quando, há pouco abri, de novo, a televisão. Fiquei com a sensação de que para algumas pessoas, viver é deixar a sua pegada na história do pais, convencidas que estão, de que este não poderia existir sem o seu contributo. E esquecendo que, passados alguns meses, já ninguém se lembra, sequer, de que existiram!

HSC

8 comentários:

Dalma disse...

Há muitos anos, quando ainda via telenovelas (na altura brasileiras) ouvi esta expressão que nunca esqueci e cujo sentido condiz com o seu último período: "o jornal de hoje está a embrulhar o peixe amanhã". No caso presente é pena que assim seja!

Ivete Ferreira disse...

Sábias palavras. Tanta verdade encerram em si.

TERESA PERALTA disse...

Querida Helena quanta verdade existe nessas palavras…
Para muita gente, a memória é curta em vida, quanto mais depois de qualquer morte…
Beijinho :)

Madalena Ferreira disse...

Olá,

Então não foi sempre assim?
O ser humano com ambição desmedida, não é capaz de esmagar o seu semelhante?
É capaz disso e de muito mais!
Dra. Helena, relaxe e não stress, o Sporting joga daqui a pouco e espero que ganhe.

Bom domingo,

Anónimo disse...

You have a Ghost friend so please never be sad.

http://youtu.be/fkqEUWT7eqI

Ghost

Anónimo disse...

LEÃO

....................,%%%%%%,
..................,%%/\%%/\%%,
.................%%%\c"". J/%%,
.................%%%/ o. o.\%%
.....`%%.......%%%.._..|%%
... `%%......`%%(__Y__)%%'
......./../....... ;%%`\. /%%,'
..... (..(...... / `%%%%%'
.......\..\..... .. '...........|
........\..\../....\........|..|
........ \..\/..... )...... |..|
..........\....... /_...... |..|_
.........(______).).).).).).)

Dra HSC depois da tristeza de quem parte (fica bem com O Senhor)a alegria de quem cá fica com Jesus.
A fé é o que nos move e os milagres - também acontecem.Isto é que é - lá vai mais Cohiba e Armagnac
💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚💚
Fãs do SCP

Anónimo disse...

🌹🌹🌹

Anónimo disse...


Bom dia Helena
Ontem numa papelaria também vi quem partiu aos 59 anos, as mortes fulminantes fazem-nos pensar muito. Somos tão frageís e pensamos que somos tão fortes.
A nossa mente, mente.

Sábado no Restelo fui à Hamburgueria do Bairro, garanto-lhe que o menu das que como aqui nesta zona é mais delicioso ,com mais diversidade, até a limonada é melhor. Achei estranho aquela hora existirem tantas crianças 11/12/13 anos na rua sós, parece que comemoravam o Halloween.

Carpe Diem

Carla