quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Formação em voluntarido

Muitos de nós decidem passar uma parte da sua vida a fazer voluntariado ao serviço dos outros. Com bastante frequência, trata-se de uma expressão de amor pelo próximo, para qual não se possui qualquer preparação específica. Ora hoje esta formação específica existe para que esse serviço possa ser prestado nas melhores condições.
É o que vai acontecer na Unidade de Cuidados Paliativos do Hospital da Luz, onde nos dias 4 e 11 de Outubro, se realizará um Curso de Formação para Voluntários naquele tipo de cuidados. 
Caso queiram frequentar esta iniciativa poderão faze-lo através dos contactos seguintes: 

    

O que fazemos pelos outros não tem habitualmente história. Só quando acontece connosco é que lhe damos o devido valor!

HSC

12 comentários:

Paulo Abreu e Lima disse...

Já sabia, Helena. Mas acho muito importante esta sua divulgação!

Anónimo disse...

Tenho uma filha enfermeira, a trabalhar num hospital público e a terminar o mestrado em cuidados Paliativos na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (acabou de entregar a dissertação). Fiquei muito contente quando me apercebi do seu interesse por esta área. E é muito bom que haja cada vez mais formação e investimento numa área tão importante para todos nós.
Maria L

João Menéres disse...

Era bom que esse curso de Formação para Voluntários também se realizasse no Porto...


Melhores cumprimentos.

Anónimo disse...

Boa tarde Dra. Helena, hoje não pude, mesmo, deixar de comentar o seu post.
Pela circunstância de várias pessoas próximas viverem de doença muito dificeis e talvez sem retorno, estou muito sensível à questão de cuidados paliativos. Eu própria já fui doente oncológica. Ando a reler um livro chamado Diálogo com a Morte, de Marie de Hennezel, que em França faz um trabalho de divulgação e concreto, nesta área. E ontem estive na internet a tentar perceber se havia formação para voluntários. Coincidências... penso que não.
Posso dizer-lhe que antes de escrever este comentário, enviei um mail para mais informações aos contactos que disponibilizou. Bem haja!
Cristina Costa

Anónimo disse...

Helena,
um bem haja a quem o faz!!! Pessoalmente não conseguia fazer, ver pessoas em fases terminais, deixavam-me de rastos...

Carla

Anónimo disse...

Um tema de muito interesse e muito importante a divulgação,mas é preciso ter uma capacidade e força psicológica que não é para qualquer um.
É bastante díficil e doloroso acompanhar algúem na preparação para a derradeira viagem.
São uns verdadeiros heróis estes voluntários e de uma nobreza ímpar de entrega no amor ao próximo.
São uns anjos na terra.
Fátima

bea disse...

Parece-me natural que o voluntariado que ministra cuidados paliativos beneficie de formação. Não é semelhante a nenhum outro tipo de voluntariado. Deve ser muito difícil.

Anónimo disse...

Bom dia Helena!
Hoje disseram-me:
Parece que os livros falam para mim...
É isso que sinto do seu " O que aprendi com a minha mãe"
Pergunto-me como pode a Helena, escever um livro tão completo, abordando por vezes temas numca falados...

Carla



CF disse...

Claro que tem história, Helena. A nossa história enquanto pessoas...

Um beijinho para si.

Anónimo disse...

Bom sábado.
http://youtu.be/NNBdJ7crU2M
:-)

Anónimo disse...

Padre Fábio de Melo - A Liturgia do Tempo (poema)

http://youtube/NNBdJ7crU2M

Espero que agora consiga.Sábado feliz e sem sustos.

:-)

Helena Sacadura Cabral disse...

Anónimo das 15:06
De facto o youtube veio certo. O link é que não. Deveria ter sido
www.youtube.com/watch?v=NNBdJ7crU2M
Só pelo título lá cheguei. Muito obrigada, mas já chega!