quarta-feira, 21 de agosto de 2013

A morte também

Nestas férias lisboetas em que só eu me divirto - e, também, só eu estou branca como a cal - faltava um dia negro. Foi hoje. 
Às oito da manhã, quando me preparava para seguir o caminho da SIC, o telemóvel tocou. Como tenho a família toda em Moçambique, assustei-me. Afinal era a Prosegur a dizer que o alarme do meu irmão havia disparado. Passei, assim, a manhã entre idas a casa dele, a televisão e o especialista do sistema de vigilãncia.
Parecia uma barata tonta, quando cheguei aqui a casa. Não fosse o milagroso ar condicionado que duramente adquiri e ter-me-ia tornado num pastel de nata. Mal refeita, ainda, da moleza que se apoderara de mim, recebo a mensagem de que havia falecido o pai de uma querida amiga minha e que o velório hoje e missa amanhã seriam em Areias.
Comi mal porque fiquei triste e abalei para estar um pouco com ela. Claro que encontrei uma série de amigos que não via há muito, como sempre acontece nestas tristes ocasiões.
Quando voltei a Lisboa resolvi atacar o frango da Valenciana. Onde, pese embora a crise, a azáfama retrataria um país em forte ascensão. Tirei o ticket 36 e estava-se no 16. Passei quinze minutos à espera e, no final, o empregado que me partia o frango segredou-me se eu não era a mãe do Paulo Portas. E eu, de jacto, respondi-lhe que, "naquele momento, era só mesmo a avó dele". Há dias assim. Mas não deviam acontecer em férias... 

HSC 

13 comentários:

Isto e aquilo disse...

Tão querida Helena! O que conta não é nada alegre, mas contado como sempre naquele seu tom muito próprio, que faz com que saiba tão bem lê-la. Às vezes, o que apetece mesmo é enchê-la de beijinhos. Por ser assim.

Aqui fica pelo menos um.
Isabel Mouzinho

maria vitória silva disse...

Foi, de facto, um dia negro para a senhora. Não obstante, tive de esboçar um sorriso! Não pelos tristes acontecimentos - em especial a morte do pai da amiga -,que lamento, mas pelo humor que põe naquilo que escreve. Obrigada, drª Helena.

nobody listening disse...

há dias difíceis ... negros, mesmo!

boa noite e tente descansar. beijinhos

Teresa Peralta disse...

Ó meu Deus mas que dia... Só mesmo a sua resistência majestática pode sobreviver a tantos acontecimentos, ainda por cima, neste dia acalorado.
Um grande abraço para uma avó muito especial...

João Menéres disse...

Avó ?
Como se foi lembrar dessa , HSC ?
Francamente...


Melhores cumprimentos.

Anónimo disse...

São os outros encontros do verão: os amigos a quem descobriram cancros, a amiga que com o corte nas reformas já não tem dinheiro para ir visitar os netos que vivem noutro continente, os nossos filhos espalhados por todo o largo mundo... Triste país de velhos que a Dra. Maria Luís Albuquerque irá governar!

O seu amigo chato e pessimista

a) Alcipe

maria isabel disse...

Querida Doutora Helena

Parabens pela resposta

Há dias em que todos nos passamos.

beijinhos

maria isabel

Helena Sacadura Cabral disse...

Ó Meu querido Alcipe, tudo isso é verdade, mas quando eu tinha trinta anos, as preocupações que a família me dava - e que família! -, sempre a querer mudar o mundo, num figurino que não era o meu, tiravam-me do sério.
Aos quarenta comecei a perceber que o meu mundo era mais real e que cada um de nós tinha que fazer a sua parte para o melhorar, independente de figurinos. Foi o que fiz. E encontrei-me. Tento ser melhor todos os dias, mas não imponho formas de vida a ninguém. Dou graças a Deus por ter conseguido chegar aqui. Sou de facto optimista, mas isso não me tira o sentido crítico. Que hoje até está mais apurado e interventivo.
Os intelectuais do meu tempo, esses, azar o deles, falam de cátedra, mas estão instalados. Uma pena!

Anónimo disse...

Mas que dia cheio de imprevistos!
Apesar dos pesares, não consegui deixar de esboçar um sorriso. Só mesmo a Senhora!!!!!
Prova superada! Continuação de boas férias com dias melhores que o de ontem!
Beijinho
FL

Fatyly disse...

Há dias assim...mas "avó"? quem a servia devia ter ficado com cara de "frango" ou a sorrir como eu fiquei:)



Anónimo disse...

Excelente comentário, o de Alcipe!

Anónimo disse...

DRA. HELENA...
hehehe... optima resposta...
Chiiim...

Anónimo disse...

Como sabe, querida doutora, a minha semana (passada) também não foi das melhores e também acabou num velório. Mas graças a Deus esta já está melhor e até já deu para uns banhinhos de mar que foram uma maravilha! Pena foi ter-me esquecido que ainda anteontem tinha ido ao cabeleireiro alisar o cabelo e hoje, no mar o máximo cuidado para não molhar o cabelo, fui ao chiveiro, lá se foi o cuidado: molheio todo!
:(

Bjs Vânia