quarta-feira, 11 de Abril de 2012

Mais um!


Às vezes penso que só sei trabalhar. De facto, ganho os meus tostões desde os treze anos e de então para cá, ainda não parei.
No dia 8 de Maio lançarei pelas 18:30, na FNAC do Chiado, o meu novo livro que, desta vez, será apresentado pelo meu querido primo João Paulo Sacadura.
Ficará tudo em família e espero ter, à minha volta, todos os amigos que possam ir dar-me um abraço.
Antes, porém hei-de dar autógrafos na Feira do Livro!

HSC

26 comentários:

Anónimo disse...

tentarei lá estar , apesar de nºao me conhecer :)
muita admiraçºao e parabéns
isa clara eneves

Margarida disse...

... de facto, que exemplo!
Que seja (mais) um sucesso!

Paulo Abreu e Lima disse...

João Paulo...? Não me diga que é prima do meu melhor amigo (irmão dele).

Muitos Parabéns, que seja mais um sucesso!

Abreijos,
Paulo

Raúl Mesquita disse...

Mais uma vez, Muitos merecidos Parabéns, Cara Helena.

Raúl.

Maria disse...

Fico à espera do livro e da Feira.
Entretanto, ando por aqui.
Beijinho
Maria

Helena Sacadura Cabral disse...

Meu querido Paulo
A família Sacadura é enorme. Um dia fui convidada para ir ao programa do João Paulo Sacadura. Gostei imenso e aí descobrimos que éramos primos e e que tínhamos muita família comum.Ficámos amigos.
A bem dizer, o nome paterno deveria ser Sacadura Freire Cabral. Mas o aviador, irmão mais velho do meu Pai, decidiu cortar um nome e os onze irmãos obedeceram. Foi o Freire à vida.
Mas os ramos são imensos: Cabral Sacadura, Costa Cabral, Sacadura Falcão, Costa Sacadura, Mantero Sacadura, Corte Real, Sacadura Botte, etc, etc. Eu gosto, confesso, que sejamos muitos!

Isabel Seixas disse...

Parabéns
Fico a aguardar,sabendo que o lerei com prazer.
Abraço

Livro da Actualidade disse...

O livro que eu tanto esperava Helena. Acredite que vou comprar e recomendar no meu blogue !
Cumprimentos.

Paulo Abreu e Lima disse...

O João Paulo é uma excelente pessoa, muito brincalhão e já passou por grandes agruras, como sabe. O seu irmão mais novo é desde sempre o meu melhor amigo (há trinta e cinco anos, desde o CSJB!). Aliás, adoro toda a família. Vai estar muito bem acompanhada e eu farei de tudo para estar presente... :)

Anónimo disse...

Parabéns e muitos leitores, é o meu sincero desejo.
Já fui fazer uma pesquisasinha na Net. E depois passarei numa Livraria.
Já agora...o livro está escrito como “se impõe”, ou já vem com a “censura” do malfadado A.O?
Felicitações!
P.Rufino

Helena Sacadura Cabral disse...

Meu caro P. Rufino
Obrigada!
Sem Acordo, está claro. Já me bastam os europeus que se não cumprem...

Anónimo disse...

Boa tarde,

Com muita pena não conseguirei ir do Porto para Lisboa assim tão repentinamente, os meus meninos ainda vão precisar de mais alguns anos para se verem sem mim...

Aguardarei para comprar e ler....será concerteza um enorme prazer.

Sua visita frequente,
a. malheiro

ERA UMA VEZ disse...

Claro que vai correr bem.
"É aquilo em que eu acredito"
Alguém duvida???

Parabéns Helena!

oteudoceolhar disse...

Será desta?
Anotado 8 de Maio, FNAC do Chiado...
O nome por si só, já me causa "curiosidade"...Há muitas coisas boas por nesta vida (quiça na outra), mas de acto sorrir e viver de sorriso nos lábios é uma "proeza"´. Já sorri mais? Será da idade? (idade para ter Juizo)...É bom sorrir e rir é um facto. Sempre de sorriso nos lábios Drª Helena, e que seja mais um sucesso.

Cumprimentos Maria.

Rosamar disse...

Parabéns, Drª Helena!! Vai concerteza ter muito sucesso.
Aproveito para lhe anunciar a nova criação do espaço ideias sem fim. Acho que vai gostar. Não deixe de dar uma espreitadela e ria-se,pois foi com essa intenção que o produto foi criado.
Bj e tudo de bom para si.

Luis de Matos disse...

Drª Helena Sacadura Cabral,
Estarei, hoje, na Fnac Almada. Embora não me conheça, sou um grande admirador seu. Para além daquele malfadado déficit, este País tem outro grande déficit: o de "Helenas Sacacdura Cabral"
Muitos parabéns!
Luís de Matos

fabiana terlim disse...

os meus sinceros pesâmes a toda a familia e especialmente a si uma senhora que admiro imenso e que nao imagino a dor que sente

Brown Eyes disse...

Sem querer ser maçadora, deixo aqui uma palavra, um gesto de carinho e muita força para lidar com a adversidade que aconteceu.
Gosto muito de si, de a ouvir, de ler o que escreve, das suas ideias e aqui lhe deixo um forte abraço Sra. D. Helena.

Eva disse...

Cara Helena

sigo com alguma regularidade o que aqui vai partilhando do seu olhar sobre a vida e que muito aprecio pela coragem e franqueza com que afirma as suas convicções.
Apesar de a minha forma de estar na vida não se identifique com o BE, admirava muito o seu filho Miguel, um homem com verdadeira dedicação e amor ao bem comum.

Quero dizer-lhe que estou muito consigo, sou crente. Peço a Deus que a fortaleça na confiança n'Ele e na Vida e a Maria, que conheceu a dor de ver morrer o filho, que seja para si presença consoladora.
Um abraço
Eva

Vitoria disse...

Boa tarde,

Lamento a morte do seu filho, não sou mãe mas sou filha que já esteve a beira da morte e sei o que a minha mãe sentiu.

Quero dizer que a admiro muito, mas só nos últimos meses é que comecei (não sei bem porque) a ter mais interesse por si, pela sua escrita, pela sua vida.

Hoje comprei “Aquilo em que acredito” vou começar a ler. Tinha prometido a mim mesma não comprar mais livros, porque neste momento estou desempregada e possuo em casa mais de 500 livros para ler, mas não resisti e comprei.

Depois passo aqui novamente a reforçar quanto gostei do livro ( sei que sim).

Ana Luísa

mãe disse...

querida Helena, eu sou irmã do João paulo Sacadura. Admiro-a muito e claro adoro o meu irmão! são os dois uma força da natureza!até dia 18 na fnac
Isabel Mónica

mãe disse...

um grande beijinho, Helena. Sou irmã do João Paulo Sacadura. São os dois uma força da natureza!

mãe disse...

querida Helena, sou uma das irmãs do João paulo Sacadura. São os dois uma força da natureza. Um grande beijinho!

mãe disse...

ups, dia 8 e não dia 18...

Tina Tinoco disse...

Helena adorava estar presente no dia 8 de Maio...adoro ouvi-la...lê-la...senti-la..quem sabe um dia isso acontece :-) Helena receba o meu abracinho com muito carinho...no Natal perdi o meu mano mais novo..cancro..e é duro...dizem que o tempo ajuda...é treta!....a saudade aumenta cada dia que passa...mas o que nos acalenta a alma é que um dia estaremos com eles...a Helena com o seu Miguel...e eu com o meu Pedro....FIQUE BEM QUERIDA HELENA!!

Vitoria disse...

Já li o livro e adorei, muito bom...podiam vir mais uns dez iguais! Vou tentar estar presente no dia 28 de Maio.

Penso muito em si porque tenho duas tias uma com 74 e 76 anos e fico muito orgulhosa com as actividades que elas ainda fazem, nada comparado com a Helena apesar de serem mais novas, são as minhas princesas e são muito mimadas:)

Um beijinho muito grande,

Ana Luísa Teixeira