terça-feira, 16 de agosto de 2011

Um esclarecimento

Este blogue é um espaço aberto onde todos os que o visitam podem expor os seus pontos de vista, o que sentem, o que pensam. Até hoje não deixei nenhum comentário sem publicação.
Mas isso não pode levar a que se tome o Fio de Prumo como um local de expressão de raivas pessoais ou de apelos à violência. Uma coisa é não se concordar com o que nos está a acontecer. Outra coisa é incitar ao ódio ou à desagregação.
Quem assim pensa, deve criar o seu próprio blogue e nele expôr toda a sua animosidade e repulsa. Porque, na nossa casa, todos fazemos o que queremos. Na casa dos outros, temos que ser mais contidos.
A raiva cega e nunca é boa conselheira, porque é impositiva e não propicia troca de ideias diferentes das nossas. Ora é nessa troca de diferentes mas serenos pontos de vista, que pode estar a mais valia. Jamais no rancor.
O facto de ter um filho no governo e outro no Parlamento Europeu nunca me impediu de dizer o que penso. Mas não preciso, nem precisei antes, de usar de violência verbal para me manifestar.
Alguns terão pensado que eu deixaria de tecer comentários negativos. Enganaram-se. Continuo e continuarei a fazer os que entender justos. Mas sem qualquer tipo de revanches ou de ódios de estimação. Que até tenho. Mas que guardo para mim, porque não têm qualquer utilidade!

HSC

13 comentários:

voz a 0 db disse...

VERDADE...

Eu próprio já escrevi aqui comentários fortes, mas que não apelam à violência nem são insultuosos... e nunca fui censurado.

Já fui censurado por muito menos noutros blogues, mas também o remédio foi santo: deixei de seguir...

Anónimo disse...

Helena, como a entendo... a falta de discernimento, conhecimento, racionalidade, equilibrio e até boa educação são avassaladoras na blogosfera...tenho eu própria escrito sobre isso, no meu blogue aefetivamente. E postei o link deste seu texto no meu FB. Só podia ... e devia. Aefetivamente (Faty)

Marcolino disse...

Estimada Helena
Estou solidário consigo!
Cumprimentos
Marcolino

João disse...

Nem outra coisa seria de esperar de uma Mulher como a Senhora é!

Fada do bosque disse...

Estou em plena consonância com o testemunho do Voz a 0 db! Verdade! É um blogue de liberdade... (o que não quer dizer que seja de libertinagem).

Naná disse...

E é por essa sua imparcialidade e fidelidade àquilo que é justo de se dizer que a sigo!
E sim, acho que incitar ao ódio e à sublevação não leva a lado nenhum!

marianinha disse...

Helena eu tenho cido vitima dessAS pessoas e o meu blog tambem durante meses não consegui dormir por aquilo que as pessoas diziam de mim,que eu era tudo e mais alguma coisa,quando saia da biblioteca fartava-me de chorar porque eu sabia que eu não era o que as pessoas diziam.
Agora já nem ligo,quando vejo que um comentário me ofende nem o publico simplesmente apago,mais nada.
Ainda ontem foi bastante ofendida por um blogger anónimo e o que fiz foi apagar o comentário e esquecer.
As pessoas têm de ter mais respeito pelos outros,pois ninguem é obrigado a ser mal-tratado no seu proprio blog.

Anónimo disse...

Bom dia

É por ser com é, que em dois anos tantos a seguem, eu se quero andar esclarecida tanto de cinefilia como de "política", venho ao seu blog e sinto-me informada já vi e aconselhei filmes e series, comentados aqui.
Força, e um beijo de uma mãe tb

Helena Sacadura Cabral disse...

Cara Marianinha
Felizmente nunca tive, até hoje, ataques pessoais. Quando fiz este esclarecimento referia-me a questões sociais e sobretudo políticas.
É para que o Fio de prumo continue a ser um espaço de liberdade que pretendo que aqui não haja raiva, rancor ou ódio. Tenho aprendido muito com gente que não pensa com eu e quero continuar a aprender. Mas em serena disputa de pontos de vista. Só isso!

Anónimo disse...

Helena , daquilo que eu vi nos comentários ,não notei nada de especial relativamente a ataques os incinuações particulares!

Vejo até , muito respeito para com Sra e os seus posts, no entanto , o ódio, rancor, raiva, mágoa , desilusão, dôr, sofrimento e outros sentimentos parecidos , são sentimentos humanos. Toda a gente os tem e os sente, a respeito de muitas coisas na vida!

Penso que acusou o facto de ter dois filhos politicos no activo, com muito peso na vida dos portugueses!
E pelo momento que atravessamos, já sabe que serão inevitáveis algumas "indirectas" , mas isso também é uma coisa que tem que assumir quando se expõe ao publico em geral, com as suas opiniões!

Quem anda à chuva molha-se, diz o povo !

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Anónimo das 10:30
De certo não me fiz entender. Ninguém me tratou mal. Nem aos meus.
Apenas existem comentadores que tendo posições ideológicas muito radicais, as espõem com tanta raiva e violência que perturbam uma conversa serena entre todos. A esses eu aconselho que tenham o seu próprio blogue para lá esplanarem o seu rancor. Não devem é servir-se do meu.
Como, até hoje, nunca deixei de publicar um comentário, penso ter-me feito entender.
Quanto ao seu último "quem anda à chuva molha-se" é, de facto, verdadeiro. Mas não se aplica a mim, felizmente.

Anónimo disse...

Compreendido , Helena !
Eu curto a sua audiência. Percebo a sua matriz socio-cultural e entro em dialogo como forma de entertenimento e não como forma de emissora ideologica.
Para isso, como disse ,há outros blogs!De facto é asssim, e o seu aviso à navegação é de facto esclarecedor e vai contribuir para vincar a identidade do seu blog , concerteza!
Eu também sei ser radical e violento ( verbalmente) mas no seu blog isso fica desenquadrado! É uma questão de feeling, de facto!

bem haja !

Benilde Martins disse...

Estive ausente de tecnologias...
Só retomei agora as minhas leituras habituais e, claro, concordo plenamente.
Discordar é não pensar no mesmo sentido, não é ser contra, não é rancor nem ódio.
Bom trabalho, boa saúde e alegria possível para todos.