quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Devagarinho eles avançam...


Os dois cérebros da União Europeia - Angela e Nicholas - tiveram uma "ideia" no encontro a dois que decorreu na cidade de Paris, para discutir o futuro da Zona Euro (Z.E) e a crise da dívida.
E qual foi a percepção destes privilegiados da política? Nada mais, nada menos, que a criação de um governo económico para aquela Zona, liderado pelo actual Presidente do Conselho Europeu Herman Van Rampuy. Mas não só. Aqueles estadistas pretendem ainda que até 2012 sejam inscritas nas Constituições dos países que compõem aquela Zona, limites ao endividamento nacional.
Esta proposta foi anunciada pelo Presidente francês, que aproveitou a ocasião para informar que aqueles dois países - sempre eles - vão propor em Setembro um imposto sobre transacções financeiras. O eixo franco alemão recusou, como já se esperava, a criação de eurobonds.
Nada disto me surpreende porque há muito que as decisões da Europa são lideradas por este eixo. Autonomia nacional? Em quê? Onde? Como?
Mas Sarkozy que se prepare, porque talvez dentro de um ano, o eixo bilateral não tenha senão a senhora Merkl. E ainda houve quem se surpreendesse com o meu post de 15 de Agosto, intitulado "E se acontecesse". É que, devagarinho,devagarinho, tudo avança nesse sentido!

HSC

4 comentários:

ERA UMA VEZ disse...

Olá Helena!

Que bela foto de um casamento...de interesse (claro)

Quando estes "piquenos" se encontram, definem e impõem regras à EUROPA e até escolhem líderes a seu gosto, apetece perguntar:

QUAL É O PAPEL DO NOSSO ZÉ MANEL?

Segura a vela???

Ou apenas sacode a areia dos chanatos???

(ou alguém se enganou?)

Anónimo disse...

Pode crer Helena!
Há muito que eu (não sendo da área de economia)prevejo com apreensão este diagnóstico, que
(in)felizmente se está a concretizar.

Pôr do Sol disse...

A Sra Merkl ja se abeirou de Africa, assim poderá aniquilar a Europa dos pequeninos.
Aguardo anciosamente que a Sra. fique sozinha e vá começando a armazenar as suas industrias, pois com estas belas medidas não deve ter na Europa grandes compradores.

voz a 0 db disse...

eheh Cara Helena... penso que se enganou na colocação das aspas... colocou em "ideia" se calhar deveriam estar em "Os dois cérebros"!