segunda-feira, 6 de junho de 2011

Domingo, dia 5 de Junho.

Domingo almocei em família com ambos os meus filhos e neto, em casa do meu irmão mais novo, que tudo fez para nos tornar a vida, nesse dia, o mais agradável possível.

Mas eu não estava bem. Por razões múltiplas. Que vêm, sobretudo, desta minha insustentável incapacidade de tolerar tudo o que é político. Por isso, a verdade é que o que apetecia, era estar a qilómetros dali, onde a vaga de fundo, não fosse, de facto, aquilo de que não se falava.

Os infantes saíram a meio da tarde para os seus respectivos quarteis generais e eu respirei...

Como me sinto hoje? Livre de um peso. Como disse José Gil, há três dias, finalmente livre de alguém que, considero, ajudou a enterrar Portugal.

Não sei o que virá. Sei o que acabou. Que saíu quem eu considerava que era preciso que saísse. O PS necessitava, há muito, de se libertar de Socrates, para voltar a existir. Neste momento, desejo sinceramente que encontrem a pessoa certa, porque o país precisa de um PS à altura das responsabilidades que vamos encontrar e também de quem faça esquecer estes seis anos de reinado do filósofo nacional. Portugal carece disso. Tanto, como de um bom governo...


HSC

18 comentários:

Reflexos disse...

Boa tarde,

O meu Pai, homem da política desde sempre diz que uma boa oposição é tão importante quanto um bom governo. Por isso precisamos urgentemente dos dois. E que acabem com tonterias e ataques pessoais. É para tratar do país e governar e não para se atacarem!
O PS precisa de um 'refresh' e de voltar forte e credivel!

TEnha uma boa semana

Fada do bosque disse...

Fiquei tão triste pelo Miguel... não merecia mesmo! Quanto ao Pinóquio filósofo... foi um alívio tremendo! Apre que o homem conseguiu dar com o povinho em louco. Mas o meu medo é que este povinho em pânico e dor das abocanhadelas e garras do lobo, se tenha ido enfiar dentro da toca do urso! Aliás sem uma Esquerda forte e com um PS estraçalhado, vai ser mesmo o que vai acontecer... estamos entregues à bicharada!
Quanto ao desabafo da drª Helena... muito tenho pensado em si... Mãe sofre!

ana disse...

olá Helena
Não deve ser nada fácil gerir as diferentes sensibilidades dos seus infantes...admiro-a muito. já tenho lido as suas opiniões sobre as opções politicas dos seus filhos e penso que o segredo é que, em casa, eles são só os filhos, os irmãos...apartidários. mesmo assim,não deve ser fácil. e como se sente na eminência de ser mãe,novamente, de um ministro? Vai ter de o partilhar com a causa pública e contamos com ele para pôr este nosso país no rumo da prosperidade e da paz social. os seus conselhos, a sua sabedoria, serão, certamente, uma mais valia.Bem haja

Manuela disse...

O PS está podre! Não vão escolher ninguém de jeito!

Tété disse...

Querida Helena respire fundo. Já passou! Agora o que vier já terá de ser dividido de novo por todos nós.
Sejam eles quem forem é preciso é levantar o país e pensar que temos de sair dignamente de toda esta embrulhada não esquecendo de lutar para ajudar a refazer as muitas vidas desfeitas por força das circunstâncias.
Desta vez que me virei para o infante Miguel, a coisa não correu bem. O importante é seguir em frente com todos mas para todos.
Grande abraço.
Teresa

Anónimo disse...

Concordo com o comentário de "Reflexos" (gosto da imagem da Anita do Carrocel Mágico), mas o Bloco de Esquerda também precisa de um 'refresh'.

O Louçã está a ficar "cassete"... O Miguel dava um bom líder dos bloquistas.

Isabel BP

Marcolino Duarte Osorio disse...

Estimada Helena,
Depois de votar, fi-lo depois de almoço, contra o que foi sempre o meu hábito, fui passear de autocarro para fora de Lisboa. Desliguei-me por completo frenesim das Tv's. Cheguei a casa sem desejar saber de nada. Deitei-me, dormi para o lado mais cómodo, sem ser sobrecarregando o meu coração. Acordei descansado. Só por volta das 10 horas da manhã é que liguei o Pc para consultar e-mail's e na página de entrada veriifiquei os resultados do acto eleitoral: Ganhou, mais uma vez, a Abstenção!
Pensei cá com o meu teclado: Não me abstive, mas fui dar um longo e belissimo passeio de utocarro, para fora de Lisboa.
Fiquei bem mais tranquilo com esta vitória da abstenção que quando iniciar funções se deixará de gastar a torto e a esmo, e assim regenerará um pecúlio, de todos nós, malbaratado por quem já estava a necessitar de tratamento psiquiátrico há longo tempo.
A Lei, para estes casos de má gestão, deveria ser revista, ter mão bem pesada e obriga-los a fazer uma reciclagem, mas internados num estabelecimento prisional de alta segurança, mas sem mordomias, com exadas nas manápulas, mas sem luvas...!
Cumprimentos
MO

Anónimo disse...

no meio de tudo isto, fico feliz por teres um irmão mais novo...que fez de tudo para tornar esse momento agradavel.....viva a familia ;-)


erva doce

Anónimo disse...

Bom dia Helena,

Também eu estou aliviada. Sou de Direita e confesso que não sei o que mais alegria me deu: termos ganho ou vê-lo a sair!
Ficava nervosa só de o ver. A ele e não só. Pior do que ele só o Dr. Silva Pereira! Esse então dá-me "urticária".
Quanto à sua posição de mãe, acredito não ser nada fácil!
Acredito também que agora podemos ter esperança, apesar do que se adivinha não ser fácil. Mas sejamos positivos e lutemos para voltar a ter orgulho de Portugal.
Um abraço,
Benedita

Nota: devorei o seu livro e adorei. Parabéns

maria disse...

um bom dia: veja o lado positivo, para os seus filhos deve ser um alivio ter um porto de abrigo longe das responsabilidades e conversas de "trabalho" a que estão habituados. É relaxante.

Faty disse...

Olá Helena. Lembrei-me de si na noite eleitoral, com resultados tão díspares dos seus rebentos- votei num deles, como tem sido hábito.:)Gosto da sua escrita e tenho os seus livros de crónicas que adoro. Já lhe tinha dito antes, de resto::))
Aefectivamente

Sara L. Miranda disse...

Parabéns pelo seu blog. Muito interessante!

Presépio no Canal disse...

Helena,

So para dizer que acho lamentavel e deploravel o que li agora sobre as declaracoes da A.G. acerca do Paulo. Nao ha limites! Por mim, era processo judicial ja.
O seu espirito que se prepare. Vao surgir muitas maldades destas!
Um beijinho grande de conforto.

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Presépio no Canal
Muito obrigada pelas suas palavras. Ana Gomes terá sim, um processo cível em cima. Trata-de de uma mulher de baixíssimo nível que envergonha o seu partido e a diplomacia nacional.
E sobre quem seria, aliás, muito útil e proveitoso investigar a carreira e o carácter...

Helena Sacadura Cabral disse...

Faty e Sara, obrigada!

Presépio no Canal disse...

Boa! E assim mesmo!! Eu ainda nao quero acreditar. Esta gente e louca, so pode!
Beijinho
Sandra

Marcolino disse...

Estimada Helena
A minha solidariedade para com a vossa Familia, insultada na pessoa do seu Infante mais novo.
Um abraço solidário!
Marcolino

patricio branco disse...

É notavel o exemplo de zapatero que sendo um razoavel 1º ministro já anunciou a sua retirada do governo e do psoe quando no proximo ano houver eleições.
Aqui nada disso sucedeu, socrates insistiu em continuar e o partido concordou.
Resultado, o psd recebeu os seus votos mais os anti-socrates.